||  Início  ->  Revista Pergunte e Responderemos

NÚMERO

-008 Março 1957 (11)
-007 Junho 1957 (8)
-006 Julho 1957 (12)
-005 Agosto 1957 (7)
-004 Setembro 1957 (9)
-003 Outubro 1957 (10)
-002 Novembro 1957 (15)
-001 Dezembro 1957 (12)
001 Janeiro 1958 (11)
002 Fevereiro 1958 (11)
003 Março 1958 (12)
004 Abril 1958 (11)
005 Maio 1958 (9)
006 Junho 1958 (10)
007 Julho 1958 (10)
008 Agosto 1958 (9)
009 Setembro 1958 (10)
010 Outubro 1958 (10)
011 Novembro 1958 (9)
012 Dezembro 1958 (12)
013 Janeiro 1959 (7)
014 Fevereiro 1959 (8)
015 Março 1959 (7)
016 Abril 1959 (7)
017 Maio 1959 (9)
018 Junho 1959 (7)
019 Julho 1959 (8)
020 Agosto 1959 (6)
021 Setembro 1959 (7)
022 Outubro 1959 (5)
023 Novembro 1959 (7)
024 Dezembro 1959 (6)
025 Janeiro 1960 (6)
026 Fevereiro 1960 (7)
027 Março 1960 (6)
028 Abril 1960 (9)
029 Maio 1960 (6)
030 Junho 1960 (9)
031 Julho 1960 (8)
032 Agosto 1960 (8)
033 Setembro 1960 (7)
034 Outubro 1960 (7)
035 Novembro 1960 (7)
036 Dezembro 1960 (7)
037 Janeiro 1961 (7)
038 Fevereiro 1961 (6)
039 Março 1961 (5)
040 Abril 1961 (6)
041 Maio 1961 (5)
042 Junho 1961 (5)
043 Julho 1961 (6)
044 Agosto 1961 (5)
045 Setembro 1961 (6)
046 Outubro 1961 (7)
047 Novembro 1961 (6)
048 Dezembro 1961 (5)
049 Janeiro 1962 (7)
050 Fevereiro 1962 (5)
051 Março 1962 (5)
052 Abril 1962 (6)
053 Maio 1962 (7)
054 Junho 1962 (5)
055 Julho 1962 (6)
056 Agosto 1962 (7)
057 Setembro 1962 (7)
058 Outubro 1962 (6)
059 Novembro 1962 (5)
060 Dezembro 1962 (8)
061 Janeiro 1963 (6)
062 Fevereiro 1963 (5)
063 Março 1963 (5)
064 Abril 1963 (5)
065 Maio 1963 (6)
066 Junho 1963 (5)
240 Dezembro 1979 (1)
344 Janeiro 1991 (8)
345 Fevereiro 1991 (8)
346 Março 1991 (9)
347 Abril 1991 (8)
348 Maio 1991 (6)
349 Junho 1991 (9)
350 Julho 1991 (5)
351 Agosto 1991 (8)
352 Setembro 1991 (7)
356 Janeiro 1992 (9)
360 Maio 1992 (1)
368 Janeiro 1993 (7)
369 Fevereiro 1993 (5)
370 Março 1993 (5)
371 Abril 1993 (6)
373 Junho 1993 (9)
374 Julho 1993 (8)
377 Outubro 1993 (11)
379 Dezembro 1993 (7)
380 Janeiro 1994 (7)
381 Fevereiro 1994 (7)
382 Março 1994 (7)
383 Abril 1994 (6)
385 Junho 1994 (6)
386 Julho 1994 (10)
387 Agosto 1994 (7)
388 Setembro 1994 (10)
389 Outubro 1994 (10)
390 Novembro 1994 (6)
391 Dezembro 1994 (8)
392 Janeiro 1995 (6)
393 Fevereiro 1995 (7)
395 Abril 1995 (10)
397 Junho 1995 (6)
398 Julho 1995 (10)
399 Agosto 1995 (7)
400 Setembro 1995 (8)
401 Outubro 1995 (11)
402 Novembro 1995 (8)
403 Dezembro 1995 (8)
449 Outubro 1999 (1)
457 Junho 2000 (8)
468 Maio 2001 (8)
491 Maio 2003 (14)
500 Fevereiro 2004 (9)
501 Março 2004 (8)
504 Junho 2004 (15)
505 Julho 2004 (7)
506 Agosto 2004 (15)
507 Setembro 2004 (7)
508 Outubro 2004 (12)
509 Novembro 2004 (12)
510 Dezembro 2004 (9)
513 Março 2005 (10)
516 Junho 2005 (12)
517 Julho 2005 (13)
518 Agosto 2005 (20)
519 Setembro 2005 (12)
520 Outubro 2005 (13)
521 Novembro 2005 (12)
522 Dezembro 2005 (12)
523 Janeiro 2006 (11)
524 Fevereiro 2006 (11)
525 Março 2006 (14)
526 Abril 2006 (12)
527 Maio 2006 (13)
528 Junho 2006 (15)
529 Julho 2006 (14)
530 Agosto 2006 (15)
531 Setembro 2006 (13)
532 Outubro 2006 (14)
537 Março 2007 (13)
539 Maio 2007 (14)
543 Setembro 2007 (18)
545 Novembro 2007 (12)
547 Janeiro 2008 (14)
548 Fevereiro 2008 (15)
549 Março 2008 (13)
551 Maio 2008 (14)
554 Agosto 2008 (15)
555 Setembro 2008 (13)
 
...CAPA*TÓPASSUNTOTÍTULO (hits/dia)AUTORHITS PDF
1 #REVISTA = -1 
jesus = 29 
cristo = 17 
ressurreição = 13 
deus = 11 
igreja = 7 
homem = 6 
verdadeiro = 5 
testemunho = 5 
filho = 5 
caso = 5 
PeRHistória Jesus: mártir, santo, profeta, líder? (1.10) Estêvão Bettencourt 2060
#2334 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, escrituras, Jesus Cristo, Deus]

DELVAUX (Rio de Janeiro): "Jesus Cristo deve ser considerado um mártir, um santo, um profeta ou um líder?" A Jesus Cristo competem, sem dúvida, os títulos acima; não bastam, porém, para explicar a sua personalidade. Os escritos do Novo Testamento, assim como a Tradição cristã, O apresentam como verdadeiro homem e verdadeiro Deus — Deus feito homem.
2 #REVISTA = -1 
jesus = 8 
cristo = 8 
inferno = 6 
justos = 5 
bem-aventurança = 5 
regiões = 4 
sheol = 4 
paraíso = 4 
infernos = 4 
termo = 4 
PeRDoutrina O que Jesus foi fazer no inferno? (1.82) Estêvão Bettencourt 3391
#2338 Dezembro 1957, 15 [-001, novembro 1957, inferno, sheol, seio de Abraão, escrituras]

Rubem (Rio de Janeiro): "Não terá sido erro de Jesus oferecer o paraíso ao bom ladrão no mesmo dia em que o próprio Jesus ia morrer para descer aos infernos e lá passar três dias? E, se Cristo desceu aos infernos, não haverá salvação no inferno?"
3 #REVISTA = -1 
deus = 16 
purgatório = 12 
pecado = 6 
criatura = 6 
senhor = 5 
pena = 5 
vida = 5 
outros = 4 
alma = 4 
castigo = 4 
PeRDoutrina Que necessidade há do purgatório? (0.93) Estêvão Bettencourt 1738
#2340 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, escrituras, purgatório, purificação, perdão, pena, dilação]

Em resposta, examinaremos sucessivamente em que consiste o purgatório e quais os fundamentos bíblicos desta doutrina.
4 #REVISTA = -1 
penitência = 15 
confissão = 12 
pecados = 12 
sacramento = 10 
deus = 10 
penitente = 9 
fiéis = 8 
pública = 8 
sacramento penitência = 8 
reconciliação = 8 
PeRHistória A confissão dos pecados não era pública? (1.18) Estêvão Bettencourt 2197
#2341 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, confissão, história, escrituras, penitência, reconciliação, doutrina]

R. M. F. (Parnaíba): "A Igreja não transformou a confissão de pecados pública, como era realizada outrora (cf. Mt 18,15), em confissão sigilosa, auricular, de um indivíduo a outro? E, fazendo-o, não visava objetivos políticos? Que não havia confissão secreta, pessoal, parece evidente pelo que diz São Paulo aos Coríntios: ‘Examine-se o homem a si e então coma desse pão e beba desse cálice’ (1Cor 11,28)".
5 #REVISTA = -1 
poder = 6 
milagres = 5 
fazer = 4 
fazer milagres = 4 
pecados = 4 
apóstolos = 4 
perdoar pecados = 3 
perdoar = 3 
deus = 2 
apostólico = 2 
PeRDoutrina Perdoar Pecados e Fazer Milagres (0.63) Estêvão Bettencourt 1168
#2342 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, pentecostes, milagres, perdoar pecados]

Joaquim Noronha (Salvador): "Se os padres têm o poder apostólico de perdoar os pecados, por que não têm também o poder apostólico de fazer milagres?"
6 #REVISTA = -1 
adão = 17 
pecado = 13 
natureza = 11 
deus = 7 
homem = 7 
vontade = 7 
primeiro = 7 
gênero = 6 
humano = 6 
gênero humano = 6 
PeRDoutrina Por que a culpa original passa para todos? (0.72) Estêvão Bettencourt 1338
#2347 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, pecado original, Adão]

Guimarães (Altinópolis, S. P.): "Como se explica que a culpa original passe para todo homem?"
7 #REVISTA = -1 
jacó = 8 
deus = 7 
prole = 5 
artifício = 4 
patriarca = 3 
animais = 3 
sido = 3 
processo = 3 
cabras = 3 
dizia = 3 
PeREscrituras As Cabras de Jacó (0.81) Estêvão Bettencourt 1517
#2348 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, Jacó]

João Carlos (Ribeirão Preto): "Em Gên 30,37-42 narra a Bíblia que Jacó influenciou o tipo da prole que nasceria de suas cabras, propondo-lhes um estímulo externo no momento do coito. Ora, segundo a Biologia, é impossível intervir desse modo no processo generativo. Que dizer?"
8 #REVISTA = -1 
reino = 9 
deus = 9 
reino deus = 9 
jesus = 9 
ceia = 7 
cálice = 6 
vinho = 5 
cordeiro = 4 
antes = 4 
judaico = 4 
PeREscrituras O Fruto da Videira (0.65) Estêvão Bettencourt 1216
#2349 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, Eucaristia, pão, vinho, corpo, sangue]

Anglo-Americano (Rio de Janeiro): "Queira explicar o texto de Lc 22,18, em que Jesus diz que não beberá mais do fruto da videira antes que tenha vindo o Reino de Deus".
9 #REVISTA = -1 
inquisição = 31 
igreja = 15 
hereges = 15 
papa = 15 
autoridade = 13 
contra = 13 
morte = 12 
heresia = 11 
inquisidores = 11 
poder = 11 
PeRHistória Igreja e Inquisição (1.05) Estêvão Bettencourt 1962
#2353 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, Igreja, inquisição medieval, inquisição espanhola, inquisição romana]

Desconfiado (Petrópolis): “Gostaria de saber algo de mais exato sobre a Inquisição. Se os ‘velhos tempos’ voltassem, a Igreja restauraria a Inquisição?”
10 #REVISTA = -1 
direito = 8 
matrimônio = 6 
indivíduo = 6 
direitos = 6 
razão = 6 
pessoas = 6 
humana = 5 
corpo = 5 
alma = 5 
deus = 5 
PeRÉtica e Moral Quais os direitos do anormal e do monstro? (0.62) Estêvão Bettencourt 1155
#2354 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, anormal psíquico, anormal físico, sacramentos, batismo, alienados, retardados]

M. L. S. P. (Rio de Janeiro): "Quais os direitos do indivíduo anormal e do monstro?"
11 #REVISTA = -1 
hipnose = 8 
paciente = 6 
estado = 4 
tais = 4 
médico = 4 
hipnotizador = 4 
homem = 3 
camino = 3 
caso = 3 
consciência = 3 
PeRÉtica e Moral O Hipnotismo (0.82) Estêvão Bettencourt 1522
#2355 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, hipnose, controle da mente]

Maria Cláudia (Rio de Janeiro): "O hipnotismo pode acarretar algum mal? Será lícito ao cristão deixar-se hipnotizar frequentemente pela mesma pessoa?"
12 #REVISTA = -1 
feto = 8 
trompa = 8 
casos = 7 
tubária = 6 
intervenção = 6 
aborto = 6 
caso = 6 
vida = 5 
cirúrgica = 5 
órgão = 5 
PeRÉtica e Moral Gravidez Tubária e Aborto (1.14) Estêvão Bettencourt 2115
#2356 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, aborto, gravidez tubária, ectópica]

Jucista (Ribeirão Preto): "Em casos de prenhez tubária, proíbe a Igreja o aborto antes da ruptura da trompa? Será então que ela nutre esperanças de milagre?"