ESPIRITUALIDADE (1146)'
     ||  Início  ->  
Artigo

CINCO PASSOS DE SATANÁS PARA CONQUISTAR NOSSA ALMA E TORNAR-SE REI

 

1º passo: “Deus sim, Cristo sim, Igreja não” – Inicia com a revolta de Lutero no séc. XVI, e o rompimento com a Igreja de Cristo, dando início a uma busca de Deus sem a direção dos Apóstolos; a tradição é rejeitada, o magistério também e a interpretação da Palavra de Deus pode ser feita por qualquer pessoa. Ao final Lutero reconhece as consequências que, porém, se espalham.

2º passo: “Deus sim, Cristo não, Igreja não” – Nasce a ideologia que relativiza a religiosidade dizendo que todas as religiões são boas, logo, nenhuma é verdadeira. Deus é um arquiteto apenas, não se comunica conosco nem institui uma Igreja. Jesus é um ser iluminado, não o Deus encarnado.

3º passo: “Deus não, Cristo não, Igreja não, homem sim” – Comunismo ateu, onde se declara a “morte” de Deus e se coloca o homem no lugar Dele. O homem passa a ser deus e torna-se a medida de todas as coisas.

4º passo: “Deus não, Cristo não, Igreja não, homem não” – O homem não difere em nada dos bichos, aliás, é tratado com menos dignidade, a natureza é cultuada e o acaso é deus. Promove-se o aborto, a morte deliberada da própria espécie, o casamento-sexo sem filhos, a cultura utilitarista onde o homem vale pelo que produz. A exploração do outro como objeto sexual e de lucro torna-se comum. Costuma levar ao suicídio.

5º e último passo: “Deus não, Cristo não, Igreja não, homem não, demônio sim” – Surge a cultura do sinistro, da desordem, do macabro, o culto ao horror, ao diabólico, etc. O objetivo é promover a adoração do mal, ou seja do próprio demônio, fazendo-se do bem um mal e do mal um bem. É a inversão total dos valores cristãos.

 

Qualquer semelhança com a presente realidade não é mera coincidência.

 

Acabou?

Não!!!!! Faltou um detalhe: as promessas de Jesus Cristo para Sua Igreja até o final dos tempos, extensão de sua presença no mundo através dos sacramentos, canais das graças divinas.

Quem tem fé ama Jesus e não duvida de suas promessas, não desfalece na fé, persiste na caridade e prevalece no amor.

 

Autor desconhecido, com a colaboração de Claudio Maria.


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL -  FACEBOOK 

:-)