APOLOGéTICA (5011)'
     ||  Início  ->  
Artigo
Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
PDF download
6 1
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL -  FACEBOOK 
#0•A2929•C366   2013-10-01 10:53:26 - Convidado/A.Silva
OS EVANGÉLICOS E SUAS INTERMINÁVEIS DIVERGÊNCIAS

Os nomes no texto abaixo são todos inventados e as situações relatadas abaixo são meramente ilustrativas. Desejamos demonstrar apenas a situação da Babel protestante onde ninguém se entende e onde todo mundo se sente dono da razão. Todos são “infalíveis” e todos apontam heresias uns nos outros.

A falta de um magistério confiável que defina todas as coisas e diga o que é certo e o que é errado, resulta no relativismo religioso em larga expansão em nosso país. Tudo depende da leitura pessoal que cada qual faz da Bíblia a seu ......

Ler mais...  -  Responder
#1•R366•C460   2013-12-02 11:14:26 - Convidado/[email protected]
OS EVANGÉLICOS E SUAS INTERMINÁVEIS DIVERGÊNCIAS As divergência não ocorrem somente entre o povo evangélico, mas entre os católicos também. A igreja, independente de qual seja, nao é feita de uma ditadura, mas sim de uma democracia, onde tods expressam suas opiniões. Se não fosse assim, o nosso Senhor Jesus Cristo teria vindo do céu e seguido da forma que os escribas e fariseus pregavam nas sinagogas, e jamais teria os contrariado. A realidade é verídica do enunciado do pastor: todas as igrejas estão da mesma forma, se isso não for divulgado, o povo continuará acreditando que está tudo certo.......

Ler mais...  -  Responder
#2•R460•C461   2013-12-02 13:03:38 - 14/Claudio Maria
É preciso não confundir divergência de opiniões com doutrina. No protestantismo, se A diverge de B, A sai da igrejola em que está e vai criar uma nova, a "sua", com nova doutrina de acordo com seus achismos. Na Igreja de Cristo não é assim. São realizados concílios e a decisão é aceita por todos. Quem não aceitar, não pertence mais à Igreja Una, Santa, Católica e Apostólica. S. Paulo e S. Tiago deram-nos o primeiro exemplo, no primeiro concílio da Igreja, na questão judaizante, incluindo a circuncisão ou não dos novos cristãos. Submeteram a questão ao grupo dos apóstolos. E todos aceit......

Ler mais...  -  Responder
#3•R461•C475   2013-12-17 14:00:38 - Convidado/Andre Suris
Isto é verdade, Claudio Maria, sou evangélico e presencio seguidamente alguém divergir e sair e formar outra igreja, é que cada um que sai de uma outra igreja diz ser guiado pelo Espírito Santo, mas cada um diz uma coisa. Difícil de entender. Abraços fraternal.

Responder

#1•R366•C372   2013-10-16 10:47:13 - Convidado/George Luna
Impressioando!
Católico reconhecendo que não só "pastores" quanto Padres apresentam-se com lobos cruéis!
Ainda interessante: Outro convidade afirma que (em suma)'estamos aqui só para defender o catolicismo e atacar os protestantes! Creio que os post's devem ser primeiramente em defesa da fé!
Num país laico e democrático, posso ser católico, protestante, sindiocrata, satanista ...; porém, como observador da constituição, antes de refutar os pretensos sentimentos religiosos, devo ter respeito para com a opinião alheia! Posso ir de encontro contra quaissquer opiniões, mas isto não ......

Ler mais...  -  Responder
#2•R372•C376   2013-10-26 10:58:24 - 1/Manager
"Igreja invisível" não faz concílios, não tem como definir o cânone dos livros sagrados, não tem como combater as heresias e guiar os cristãos como mandou Cristo fazer aos apóstolos, especialmente Pedro.

Vira um "cada um por si" e o Espírito Santo por todos... ou seja, o princípio irracional do sola scriptura de Lutero, Calvino e cia.

Consequência? Mil igrejolas, cada uma com sua doutrina, sua fé, seu jesus, seu batismo... uma babel.

A Igreja de Cristo precisa ser mais que visível para ser testemunha da ressurreição de Cristo e evangelizar corretamente.
Ig......

Ler mais...  -  Responder
#1•R366•C367   2013-10-09 20:03:38 - Convidado/[email protected]
Padre Inácio, boa noite.
Obrigado pelo esclarecimento. Muitos Padres católicos que conheço agem dessa forma. Todos muito bem arrumados, com bons carros, roupas de marca e discurso efetivamente voltado para o Dízimo. Não perdem a oportunidade de chacoalhar os fiéis quando o texto do evangelho permite. O dinheiro que a igreja usa e arrecada de homens bons e homens maus é puro ? O texto diz que não podemos servir a Deus e ao dinheiro, mas as campanhas por arrecadação de dízimo são bem fervorosas. Padres não sabem o que é dificuldade financeira, viajam todos os anos ao exterior, aliás, férias......

Ler mais...  -  Responder

:-)