HOMILIAS (1781)'
     ||  Início  ->  
Artigo

Pregações: Homilias - Bem-aventurados... - por Padre José Ruy

Bem-aventurados...

Pregação do Pe. José Ruy em 04/11/2012 gravada na paróquia de Santa Ana, Nova Friburgo/RJ.

Evangelho segundo São Mateus (Mt), capítulo 5

1 Vendo aquelas multidões, Jesus subiu à montanha. Sentou-se e seus discípulos aproximaram-se dele.
2 Então abriu a boca e lhes ensinava, dizendo:
3 Bem-aventurados os que têm um coração de pobre, porque deles é o Reino dos céus!
4 Bem-aventurados os que choram, porque serão consolados!
5 Bem-aventurados os mansos, porque possuirão a terra!
6 Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados!
7 Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia!
8 Bem-aventurados os puros de coração, porque verão Deus!
9 Bem-aventurados os pacíficos, porque serão chamados filhos de Deus!
10 Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o Reino dos céus!
11 Bem-aventurados sereis quando vos caluniarem, quando vos perseguirem e disserem falsamente todo o mal contra vós por causa de mim.
12 Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus, pois assim perseguiram os profetas que vieram antes de vós.

Muitos estudiosos dizem que o sermão da montanha é o resumo de todo o Evangelho.
O mundo nos coloca numa carteira de escola de alegrias falsas e passageiras que só causam a infelicidade. Tudo ao contrário do que nos ensinou Nosso Senhor Jesus Cristo.
O mundo nos treina ao egoísmo, ao apego e à posse das coisas. As bem-aventuranças de Jesus nos ensinam a ser livres para amar a Deus e ao próximo.
Quando entenderemos tudo isso? Quando olharmos para a vida dos santos. Por isso hoje é dia de todos os santos. Devemos ler a vida dos santos, suas biografias. Santos da Igreja se converteram lendo a vida de outros santos.
Só quando lemos a vida de São Francisco de Assis entendemos que bem-aventurados são os pobres. Só quando lemos a vida de Sta. Terezinha, entendemos que bem-aventurados são os puros de coração. Só quando lemos a vida de um mártir, entendemos que bem-aventurados são os perseguidos por amor à justiça. Só quando lemos a vida de um santo entendemos que felizes são aqueles que são fiéis a Deus.

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Padre José Ruy
Ver mais pregações do Pe. José Ruy.

Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL -  FACEBOOK 

:-)