Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

INTRODUÇÃO A BARUC


A respeito de Baruc, associado ao ministério de Jeremias, temos notícias seguras no livro deste profeta, especial­mente nos cc. 36,43,45. Sabemos daqui que foi arrastado à viva força pelos ju­deus rebeldes, juntamente com Jere­mias, para o Egito (Jer 43,5-7), mas do confronto de Jer 44,28 com 45,5 po­demos deduzir que mais tarde retornou à Judéia, donde pôde ir à Babilônia pa­ra consolar os exilados. Ali, efetivamen­te, o encontramos no início do pequeno livro que traz o seu nome.

 

Este compõe-se de três partes, niti­damente distintas:

1ª Prece pública, em prosa ritual (1, 1-3,8): a nação em peso reconhece ter merecido tantas desgraças e o próprio exílio, por causa dos pecados pessoais e dos antepassados; pede misericórdia e a cessação de tantos males.

2ª Elogio da sabedoria, em elevado es­tilo poético (3,9-4,4): na lei divina, que é concretamente a mais elevada sabedo­ria, está a verdadeira glória e felicidade de Israel; o exílio foi causado pelo abandono da mesma; cumpre voltar à perfeita observância da lei.

3ª Deplorada a amargura do exílio, anuncia-se a alegria do repatriamento (4,5-5,9), em prosa cadenciada, que, pe­lo fundo, recorda Is 40-66 e, pela forma, o estilo de Jeremias, oscilando, freqüen­temente entre a poesia e a prosa.

 

Como se vê, as três partes acham-se ligadas entre si pelo fundo histórico do argumento e sucedem-se em certa ordem lógica. No tocante à qualidade literária e à composição diferenciam-se, entretanto, notavelmente, de sorte que o exame intrínseco não oferece razões de­cisivas que abonem a unidade de au­toria de todo o livro. O testemunho ex­trínseco, dado no texto 1,1, para a atri­buição a Baruc, vale somente para a primeira parte, a qual está tão impreg­nada do fracasso de Jeremias, que, negá-la ao secretário do profeta, é o que de mais irrazoável possa haver.

 

Menos rica, mas não isenta de conta­tos com o livro de Jeremias, é a tercei­ra parte. Nada nos diz a respeito o be­lo poemeto central.

 

Todas as três partes foram originaria­mente escritas em hebraico, entre 582 e 540 a.C, aproximadamente. Provam-no as numerosas alusões ao exílio babilônico e os diversos equívocos das antigas versões, explicáveis unicamente por uma leitura ou interpretação incorreta de uma palavra hebraica, coisa que se nota igualmente em todas essas versões. O texto hebraico original, porém, foi perdido. Para nós, toma-lhe o lugar a versão grega dos LXX. Em segundo lu­gar vem a Pessitta siríaca, que também deriva do hebraico. Na Vulgata temos uma antiga tradução latina feita à base do grego e não retocada por S. Jerô­nimo.

 

Os judeus da Palestina excluíram Baruc do rol dos livros sagrados, e nisso foram seguidos também por alguns Pa­dres da Igreja, na antigüidade, e por todos os protestantes. Acolheram-no, ao invés, os judeus da diáspora, anexando-o ao livro de Jeremias no volume dos profetas maiores. Desta crença e costume tornou-se herdeira a Igreja cris­tã, razão por que vemos, desde o fim do séc. II, os Padres Atenágoras, Irineu, Clemente Alexandrino, citarem as pala­vras de Baruc com o nome de Jeremias. Nos cânones bíblicos das Igrejas do Oriente e do Ocidente, nos séculos se­guintes, o mais das vezes Baruc não é especificado (como também as Lamen­tações), justamente porque compreendi­do com Jeremias. O cânon do Tridentino nomeia-o expressamente: "Jeremias com Baruc". Destarte elimina-se qual­quer dúvida acerca do caráter divinamente inspirado deste opúsculo, tão breve quão rico de doutrina, não lhe faltando mesmo algumas raras belezas literárias.


GoNet - PR
Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 8908955)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?32.20
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns17.00
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação15.01
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.49
Vídeos  Milagres  4159 Imagens intactas em catástrofes!13.02
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?12.94
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino11.86
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo11.32
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia11.04
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas10.93
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?9.74
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?8.02
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.87
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.83
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.61
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo7.46
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes7.39
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes7.22
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria7.09
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.06
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.99
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista6.98
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?6.86
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.76
O compromisso missionário é uma dimensão essencial da fé: não se crê verdadeiramente se não se evangeliza.
Papa Bento XVI

Católicos Online