Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

TIVE MUITA FAMA E ÚLTIMO LUGAR

“Tive muita fama, pouca felicidade”. Assim DENNIS AVNER, cantor e ator, afirmou antes de suicidar-se no dia 5 de novembro de 2012. Passou por mil plásticas para encontrar uma identidade. Gato, tigre ... uma fera de terror. Símbolo de uma geração sem meta, sem projeto de vida, mas sempre à caça de mil aventuras.

“John e eu achávamos ótimos que as pessoas acreditassem que fôssemos bissexuais ou homossexuais (...). Acredito que ele tinha desejo [por homens]”, disse Yoko Ono, viúva de John Lennon, sobre sexualidade do Beatle (1).

John Lennon cantava “Paz e Amor”, mas após a morte, o filho confessou a falta de coerência: “O pai cantava - Paz e Amor -, mas em família era o nosso terror e ditador.” A falta de coerência inverteu os valores: não o ser e o amor, mas o aparecer, o ter, o prazer, o poder tornam-se deuses insaciáveis (2).

Não mais o poder do amor, mas o amor do poder, pelo poder, ou seja, a idolatria do poder, de possuir, se mostrar, mandar, abusar e matar  e nesse estado ser assassino de si mesmo.

O maior Educador da História da Humanidade e sempre atual em sua obra: o Evangelho de Jesus de Nazaré é a melhor resposta aos anseios das pessoas. A vida levanta mil perguntas. O Mestre dos mestres é a resposta e a terapia. Para desmascarar toda hipocrisia e comodismo, Jesus Cristo usa o paradoxo:

“Quem perde ganha, quem divide multiplica, quem morre ressuscita, quem silencia grita... enfim, quem se esvazia do eu, mais se enriquece de Deus”.

A nossa meta é passar todos os valores humanos cujo fundamento o ensino de Jesus de Nazaré. O conflito histórico entre a ciência e a fé tem solução. “A fé sem ciência é cega e a ciência sem fé é aleijada”, afirmou o cientista alemão Albert Einstein.

Num célebre encontro entre um jovem e um velho lendo a Bíblia Sagrada, num trem de Paris, fluiu um diálogo curioso e sempre atual. O estudante iniciou com ironia: “Vovó, feche este livro. Hoje a ciência eliminou o espaço da religião e de Deus. Pretendo ser acadêmico da Academia de ciências”. O velho sorriu e respondeu:

“É exatamente o contrário. Mais me aproximo da ciência e mais me aproximo de Deus. Não é a ciência, mas a ignorância que nos afasta da religião e de Deus.”

-“Quem é o senhor que fala com tanta segurança?” Perguntou o jovem. O velho apresentou o seu cartão de identidade. E o jovem leu em voz alta:      “Louis Pasteur, cientista e presidente da Academia de Ciências da França”.

POR QUE TANTA SEDE DE PODER?

Os homens e as mulheres querem ser reis e rainhas, os reis e as rainhas querem ser deuses [...] O nosso Deus se fez homem! No mais íntimo da pessoa humana há uma insaciável sede de poder. É um impulso desordenado e irracional, consequência do pecado original. Dois são os legítimos desejos humanos:

- Ser estimado com alto desejo de fama;

- Autoestima com muito direito a autovalorização.

Infelizmente, estes dois desejos tendem à insaciabilidade. Não foi o filósofo alemão Friedrich Nietzsche que criou a teoria do super-homem. Sempre existiu na história dos povos e da civilização o orgulho desmedido do homem, seja entre os grandes, como entre os pequenos. O sábio Diógenes fingindo mexer em ossos humanos chamou a atenção do conquistador grego  Alexandre Magno. “O que procuras?”, perguntou. O sábio, ironicamente, respondeu: “Não consigo separar e distinguir entre os ossos de teu pai Felipe com os de seus escravos”.

E o pedagogo Demóstenes ao seu antigo  aluno Alexandre Magno fez um alerta:

“Tu és escravo dos meus escravos, pois eu dominei os meus vícios e tu te deixas dominar por eles”. Diógenes e Demóstenes continuam a nos questionar, mas é, sobretudo, o nosso Divino Mestre Jesus que nos destrona: “Quem se exalta, será humilhado”. Ele dispersa os soberbos, derruba do trono os poderosos.

SER ESTIMADO E AUTOESTIMAR-SE

 Ninguém como Jesus, nos desestrutura.  À nossa sede de autoestima JESUS responde:

“Quando convidado [...] fica no último lugar” (Lc 14,8). Bom é a autoestima, mas não demais.

E à nossa sede de populismo demagógico e de fama, Jesus adverte:

“Quando queres convidar alguém a um banquete, convida os excluídos... não convidem os grandes, os poderosos, os líderes bajulados... mas os últimos”.

Podemos sintetizar:

- Quando convidado, esconde-te no último lugar.

- Quando convidas, escolhe os últimos.

Nossa sede de aparecer é insaciável. Os psicólogos, após vasculharem nos vários complexos, tentam passar  para  uma sadia autoestima. Sentimos como até de um complexo de inferioridade, há sempre uma boa dose de vaidade inconsciente. As mil declarações - “Eu não sou nada” - sempre escondem outra mensagem: “Por favor, olhem para mim!”.

Na verdade, muita gente procura o primeiro lugar. Esse tipo de gente fica escandalizado com o ensinamento e a vida do eremita do deserto do Saara Argelino Charles de Foucauld que procurou o último lugar. No escondimento a busca do Absoluto. Na solidão e no silêncio o encontro com a paz, consigo mesmo e com Deus. Ele escreve: “Humildade de Jesus: imitemo-Lo. Busquemos o último lugar” (3).

CONCLUSÃO

Hoje muita gente dominada de forma doentia pela exacerbação do hedonismo, narcisismo, idolatria do dinheiro e da abissal boçalidade. O culto a si mesmo e ao show da espetacularização tem levando muita gente ao crime e a várias modalidades de violência. Tudo isso fecha, cega e escraviza a pessoa de procura na verdadeira ciência o equilíbrio, o conhecimento de si mesmo, saber viver com serenidade, respeito, dignidade e alegria autêntica. No entanto, para viver a arte da vida com amor, com fé, com felicidade, na verdade  e na justiça, só mesmo em Deus e com Ele a gloriosa eternidade. Sem a pedagogia de Deus tudo é desconstruído e nada tem sentido.

Pe. Inácio José do Vale

Professor no Instituto de Teologia Bento XVI

Sociólogo em Ciência da Religião

Fraternidade Sacerdotal Jesus Cáritas

Irmãozinho da Visitação da Fraternidade de Charles de Foucauld

E-mail: [email protected]

 

Notas:

(1) Folha de S. Paulo-Cotidiano, 18/10/2015, p.8.

(2) http://divinaetrinaternuraperegrinosdedamasco.zip.net/

(3) FOUCAULD, Charles de. Meditações sobre o evangelho. Traduzindo de Nuno de Bragança. Lisboa: círculo do humanismo cristão, 1962, p.112.

 


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
4 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 8741287)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?32.08
Orações  Santos e Místicos  4148 A Sagrada Face21.54
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação14.91
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.40
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns13.40
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?12.81
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino11.75
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo11.09
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia11.07
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas10.74
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?9.35
Diversos  Doutrina  4147 Senhor, quantos serão salvos?8.94
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.97
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.82
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo7.78
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.54
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.41
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes7.14
Vídeos  Testemunhos  4146 A Eucaristia na Igreja7.13
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista7.08
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová7.02
Vídeos  Liturgia  4145 Missas de Cura e Libertação6.88
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.87
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?6.65
Precisamos nos tornar maduros nessa fé adulta, precisamos guiar o rebanho de Cristo para essa fé.
Papa Bento XVI

Católicos Online