Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

O que você acha do casamento gay?

4 modos cristãos de responder, inspirados no exemplo do Papa Francisco.

 

TOM HOOPES

 

Mais cedo ou mais tarde, vai acontecer com você uma cena parecida com esta: você está batendo um papo com seus colegas e com seu chefe durante um breve intervalo ao lado do bebedouro, quando o seu chefe comenta:
"Me convidaram para um casamento gay neste fim de semana. É a primeira vez que eu vou. O que você acha do casamento gay?"


O que um católico pode responder, de forma clara e ao mesmo tempo sem prejudicar a própria carreira, de forma respeitosa, mas não indulgente, de forma verdadeira, mas não áspera?
O papa Francisco já nos deu muitas dicas de como dar testemunho perante o mundo. Aqui vão algumas delas:


1. A sua vida deve falar por você mais do que as palavras.

"A evangelização não consiste em fazer proselitismo, porque o proselitismo é uma caricatura da evangelização. A evangelização consiste em atrair com o testemunho aqueles que estão afastados. Significa aproximar-se de quem se sente distante de Deus na Igreja, de quem se sente julgado e condenado por aqueles que se consideram perfeitos e puros" (Papa Francisco, 7 de julho de 2015, na viagem ao Equador).


Seja o tipo de pessoa que serve aos outros sem julgá-los, mas que tem princípios claros e os aplica para si mesmo e para os outros com autenticidade e gentileza.


2. As pessoas só prestam atenção ao vocabulário que entendem.
 

"Jesus, o Mestre, ensina às multidões e o pequeno grupo dos seus discípulos adaptando-se à sua capacidade de entender. Jesus não tenta bancar o professor. Em vez disso, ele procura chegar ao coração das pessoas, à sua razão e às suas vidas, para que elas possam dar frutos" (Papa Francisco, 7 de julho de 2015, na viagem ao Equador).


O mundo de hoje acha que o casamento é uma declaração pública de afeto e de romance, e não uma instituição que, baseada no amor e na complementaridade entre homem e mulher, promove a procriação. O mundo de hoje não entende por que os sentimentos românticos não são suficientes para um verdadeiro casamento.

Traduzindo o conceito cristão de matrimônio em termos que o mundo de hoje pode compreender melhor, você poderia dizer algo como isto: "Eu acredito que o casamento é o ápice do romance: são duas pessoas totalmente unidas, tão totalmente que elas consagram a vida uma à outra, com tamanha força que elas geram nova vida uma com a outra. É uma entrega sem volta, um amor que supera tudo e que não se fecha para a vida".


3. Mostre que o casamento faz bem, desde que não faça mal à família.

Em geral, a modernidade rejeita todos os princípios morais, exceto um: "Não faça o mal para os outros". E muita gente acha que o casamento homossexual não faz mal a ninguém - mas proibi-lo faz mal aos homossexuais.

Acontece que a redefinição do conceito de casamento machuca, sim, a própria unidade básica da sociedade: a família. Uma família intacta e amorosa eleva muitos indicadores sociais: as crianças nascidas e criadas por seu pai e sua mãe têm mais estabilidade psicológica, têm maior probabilidade de se formar e ter um bom trabalho e são menos propensas a cometer crimes, a sofrer a pobreza ou a ter filhos fora do casamento.

Falando a diplomatas no Vaticano, o Papa Francisco declarou:


“A família, não com pouca frequência, é considerada descartável, graças à expansão de uma cultura individualista e centrada em si mesma, que rompe os laços humanos e leva a dramáticas quedas nas taxas de natalidade, assim como a legislações que beneficiam várias formas de coabitação em vez de promover adequadamente a família para o bem da sociedade como um todo”.



4. Mostre que Jesus e a Igreja são relevantes

Ainda no Equador, o papa declarou:


“Jesus sabe que a felicidade, a verdadeira, a que preenche os nossos corações, não está nas marcas caras. Ele sabe que a real felicidade é se aproximar dos outros, aprendendo a chorar com os que choram, estando perto dos que se sentem tristes, dando-lhes um ombro onde chorar, um abraço. Se não sabemos chorar, também não sabemos rir, não sabemos viver”.


O mundo de hoje acha que a Igreja não tem nada de bom a oferecer – ela apenas machuca as pessoas com seus dogmas insensíveis. Na verdade, bem diferente de ser um peso, ela é um alívio dos pesos do mundo e um caminho para a verdadeira felicidade com Jesus.
 
Se vivermos de modo a demonstrar essa certeza em nossa vida, nossos amigos e colegas vão querer saber um pouco mais sobre os nossos porquês.

 


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
7 1
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 8728544)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?32.05
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação14.90
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.39
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns13.30
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?12.80
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino11.74
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo11.10
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia11.06
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas10.72
Diversos  Doutrina  4147 Senhor, quantos serão salvos?9.86
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?9.30
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.98
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.82
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo7.79
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.53
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.40
Vídeos  Testemunhos  4146 A Eucaristia na Igreja7.25
Vídeos  Liturgia  4145 Missas de Cura e Libertação7.24
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes7.12
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista7.08
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová7.03
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.88
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?6.62
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?6.60
Se a consciência do pecado é a marca dos santos, a falta desta consciência em Jesus, que não obstante possuía uma alma profundamente religiosa, constitui um enigma para quem o observa à luz da mera razão.
Dom Estêvão Bettencourt

Católicos Online