Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

AUTORIDADE DA ENCÍCLICA

Dom Fernando Arêas Rifan*

A última encíclica do Papa Francisco, “Laudato si”, sobre o cuidado da casa comum, contém importantes ensinamentos para o mundo de hoje. Alguns, porém, poderiam contestar, dizendo que não se trata de um dogma de fé e seus ensinamentos são discutíveis.

 

Há diversos graus de autoridade nos ensinamentos da Igreja. No primeiro grau, estão as verdades divinamente reveladas, ensinadas de forma solene pelo Magistério infalível, que exigem de nós assentimento pleno e irrevogável de fé. No segundo grau, estão as verdades relacionadas com o campo dogmático ou moral, necessárias para guardar e expor o depósito da fé, propostas de modo definitivo pela Igreja, a que devemos também um assentimento pleno e irrevogável, baseado na fé da assistência do Espírito Santo ao Magistério. No terceiro grau, estão os ensinamentos que o Romano Pontífice ou o Colégio Episcopal propõem quando exercem o magistério autêntico, ainda que não entendam proclamá-los com um ato definitivo.

É nesse terceiro grau que se enquadra a Encíclica “Laudato si”, do Papa Francisco.

 

A esses ensinamentos do terceiro grau do Magistério, ou seja, do Magistério simplesmente autêntico, ainda que não tenham sido definidos com um juízo solene nem propostos como definitivos pelo Magistério ordinário e universal, “é exigida uma religiosa submissão da vontade e da inteligência. Esta não pode ser puramente exterior e disciplinar (silêncio respeitoso), mas deve colocar-se na lógica e sob o estímulo da obediência da fé” (Donum Veritatis, 23). Infelizmente há uma pressuposta equação falsa em voga: ensinamento magisterial não definitivo é igual a não obrigatório.

 

“Porque o ensinamento não infalível da Igreja, embora não de maneira absoluta, é também assistido pelo Espírito Santo. Muito se enganaria, pois, quem cuidasse que ele nos deixa inteiramente livres de assentir ou de discordar. Não obrigar sob pena de heresia, está longe de equivaler a não obrigar de todo... Nem basta acolher este ensinamento com um silêncio respeitoso; impõe-se uma adesão intelectual” (Penido – O Mistério da Igreja, VII).

 

“Nem se deve crer que os ensinamentos das encíclicas não exijam, por si, assentimento, sob alegação de que os sumos pontífices não exercem nelas o supremo poder de seu magistério. Entretanto, tais ensinamentos provêm do magistério ordinário, para o qual valem também aquelas palavras: ‘Quem vos ouve a mim ouve’ (Lc 10,16)” (Pio XII, Humani Generis, 20)

 

“Com relação ao ensinamento do Magistério em matéria em si não irreformável, a vontade leal de se submeter deve ser a regra... Neste âmbito de intervenções de tipo prudencial, aconteceu que alguns documentos magisteriais não fossem isentos de carências. Os Pastores nem sempre colheram prontamente todos os aspectos ou toda a complexidade de uma questão. Mas seria contrário à verdade se, a partir de alguns casos determinados, se inferisse que o Magistério da Igreja possa enganar-se habitualmente nos seus juízos prudenciais, ou não goze da assistência divina no exercício integral da sua missão” (Donum Veritatis 24/5/1990, 24).

 

*Bispo da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney

http://domfernandorifan.blogspot.com.br/

 


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
5 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 10056189)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?86.92
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns30.92
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação16.27
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo14.92
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?14.35
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.48
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino13.09
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?12.14
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.72
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes11.02
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.50
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria9.24
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?8.73
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes8.66
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade8.27
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?8.15
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra8.06
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.77
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.46
Diversos  Apologética  3960 Deus não divide sua glória com ninguém?7.30
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo6.95
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.87
Diversos  Santos e Místicos  3587 Poesia de Santa Teresinha6.79
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista6.44
Onde Deus é negado, dissolve-se também a dignidade do homem. Quem defende Deus, defende o homem.
Papa Bento XVI

Católicos Online