Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

Onde estava Jesus entre Sua morte e ressurreição?

 

O nosso Credo ensina que “Jesus desceu à mansão dos mortos”. Isso significa que, de fato, Ele morreu e que, por Sua morte por nós, venceu a morte e o diabo, o dominador da morte (Hb 2,14).

 

São João disse que Ele veio a nós para “destruir as obras do demônio” (1 Jo 3,8). O profeta Isaias já tinha anunciado que: “Ele foi eliminado da terra dos vivos” (Is 53,8), mas o salmista disse que “Minha carne repousará na esperança, porque não abandonarás minha alma no Hades nem permitirás que teu Santo veja a corrupção” (Sl 15, 8-11; At 2,26-27).

 

Jesus morreu, mas Sua alma, embora separada de Seu corpo, ficou unida à Sua Pessoa Divina, o Verbo, e desceu à morada dos mortos para abrir as portas do céu aos justos que o haviam precedido (cf. Cat. §637). Para lá foi como Salvador, proclamando a Boa Nova aos espíritos que ali estavam aprisionados.

 

Os Santos Padres da Igreja, dos primeiros séculos, explicaram bem isso. São Gregório de Nissa (†340) disse: “Deus [o Filho] não impediu a morte de separar a alma do corpo, segundo a ordem necessária à natureza, mas os reuniu novamente um ao outro pela Ressurreição, a fim de ser Ele mesmo, em Sua pessoa, o ponto de encontro da morte e da vida, e tornando-se, Ele mesmo, princípio de reunião para as partes separadas” (Or. Catech. , 16: PG: 45,52B).

 

São João Damasceno (†407), doutor da Igreja e patriarca de Constantinopla ensinou que: “Pelo fato de que, na morte de Cristo, a Sua alma tenha sido separada da carne, a única pessoa não foi dividida em duas pessoas, pois o corpo e alma de Jesus existiram da mesma forma desde o início na pessoa do Verbo; e na Morte, embora separados um do outro, ficaram cada um com a mesma e única pessoa do Verbo” (De fide orthodoxa, 3, 37: PG 94, 109 BA).

 

A Escritura chama de ‘Morada dos Mortos’, Inferno, Sheol ou Hades, o estado das almas privadas da visão de Deus; são todos os mortos, maus ou justos, à espera do Redentor. Mas o destino deles não é o mesmo como mostra Jesus na parábola do pobre Lázaro recebido no “seio de Abraão”. Jesus não desceu aos infernos (= interior) para ali libertar os condenados nem para destruir o inferno da condenação, mas para libertar os justos, diz o Catecismo (§ 633). Assim, a Boa Nova foi anunciada também aos mortos, como fala São Pedro (1Pd 4,6). Esta descida de Jesus ao Hades é o cumprimento, até sua plenitude, do anúncio do Evangelho da salvação, e é a última fase da missão de Cristo, é a extensão da redenção a todos os homens de todos os tempos e de todos os lugares. São João disse que Cristo desceu ao seio da terra [um modo de falar], a fim de que “os mortos ouçam a voz do Filho de Deus, e os que a ouvirem vivam” (Jo 5,25). Assim, Jesus, “o Príncipe da vida”, “destruiu pela morte o dominador da morte, isto é, o diabo, e libertou os que passaram toda a vida em estado de servidão, pelo temor da morte” (Hb 2,5). A partir de agora, Cristo ressuscitado “detém a chave da morte e do Hades” (Ap 1,18), e “ao nome de Jesus todo joelho se dobra no Céu, na Terra e nos Infernos” (Fl 2,10). Uma antiga homilia, de um autor grego desconhecido, e que a Igreja colocou na segunda leitura da Liturgia das Horas, no dia de Sábado Santo, diz:

 

“Um grande silêncio reina, hoje, na terra, um grande silêncio e uma grande solidão. Um grande silêncio, porque o Rei dorme. A terra tremeu e acalmou-se, porque Deus adormeceu na carne e foi acordar os que dormiam desde séculos. Ele vai procurar Adão, nosso primeiro Pai, a ovelha perdida. Quer visitar todos os que se assentaram nas trevas e à sombra da morte. Vai libertar de suas dores aqueles dos quais é filho e para os quais é Deus: Adão, acorrentado, e Eva com ele cativa. “Eu sou teu Deus e por causa de ti me tornei teu filho. Levanta-te, tu que dormes, pois não te criei para que fiques prisioneiro do Inferno: Levanta-te dentre os mortos, eu sou a Vida dos mortos.”

 

O Papa beato João Paulo II, falando sobre este mistério, disse: “Depois da deposição de Jesus no sepulcro, Maria é a única que permanece a ter viva a chama da fé, preparando-se para acolher o anúncio jubiloso e surpreendente da ressurreição. A espera vivida no Sábado Santo constitui um dos momentos mais altos da fé da Mãe do Senhor. Na obscuridade que envolve o universo, Ela se entrega plenamente ao Deus da vida e, recordando as palavras do Filho, espera a realização plena das promessas divinas”. (L’Osservatore Romano, ed. port. n.21, 24/05/1997, pag. 12(240).

 

Prof. Felipe Aquino


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
7 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 10279021)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?85.84
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns30.88
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação16.15
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo15.07
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?14.44
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.37
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino13.18
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?12.36
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.82
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes11.33
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.36
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria9.38
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes8.82
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?8.80
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra8.33
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade8.28
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?8.20
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.77
Diversos  Apologética  3960 Deus não divide sua glória com ninguém?7.73
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.43
Diversos  Santos e Místicos  3587 Poesia de Santa Teresinha7.27
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.85
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo6.78
Diversos  Mundo Atual  3795 O que há de vir?6.72
Por que o evangélico crê na Bíblia se não crê no testemunho e na autoridade divina da Igreja Apostólica que definiu e autenticou a Bíblia?
Claudio Maria

Católicos Online