Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

A FILOSOFIA DO ESPORTE

Dom Fernando Arêas Rifan*

 

Amanhã começa a Copa do Mundo no Brasil, ocasião para refletirmos um pouco sobre os valores cristãos no futebol e no esporte em geral.

 

Será imperfeita e mesmo prejudicial qualquer consideração filosófica, pedagógica ou esportiva que não considere o homem na sua realidade completa, na sua dimensão corporal e espiritual. Espírito e matéria, corpo e alma, assim Deus nos criou e nos quer sadios corporal e espiritualmente. Se a alma é mais importante nem por isso podemos descurar a saúde do corpo:

“alma sã num corpo sadio”, diziam os romanos. “A saúde do corpo é melhor que todo o ouro e a prata; e um espírito vigoroso, mais do que imensa fortuna. Não há riqueza maior que a saúde do corpo, nem contentamento maior que a alegria do coração” (Ecl 30,15-16).

 

São Paulo Apóstolo partilhou a admiração das multidões pelos atletas olímpicos. A agilidade deles, estimulada no estádio pela perspectiva da vitória, sugeria-lhe a beleza moral do combate espiritual, onde desenvolvemos nossas energias para alcançar a coroa incorruptível no Reino do Céu. É esta a finalidade do verdadeiro esporte: tornar o corpo sadio e dócil para que paralelamente a alma possa se robustecer e enobrecer. Assim compreendemos como o espírito cristão pode ser muito eficaz para dar ao esporte o seu verdadeiro sentido e finalidade.

 

Pedro de Coubertin, o renovador dos Jogos Olímpicos, escreveu que a Idade Média conheceu um espírito desportivo superior à própria antiguidade grega, devido à influência da religião, que criou uma atmosfera favorável ao desenvolvimento do espírito cavalheiresco, que consiste na lealdade e na sinceridade. Era o verdadeiro jogo limpo, o “fair-play”, efeito do cristianismo que conseguira disciplinar e adoçar os costumes dos bárbaros belicosos.

 

E ser cristão, cultivar os verdadeiros valores morais, não é só fazer o sinal da cruz ao entrar no campo e elevar os braços ao Céu após o gol. É muito mais do que isso. Porque sem os valores cristãos, sem a salutar dependência das diretivas da religião e das regras morais, o esporte entra em decadência, cai no embrutecimento e no mercantilismo. Os profissionais tornam-se vulgar mercadoria de negócio, sujeitos à compra de quem mais oferece. As transações e intrigas de bastidores põem em perigo a personalidade do atleta. Toda a ideia educativa, todo o objetivo moral, todo o ideal superior ao do ganho imediato ficam esquecidos. Aí então o esporte deixa de ser esporte; torna-se batalha e comércio. O jogador deixa de ser esportista para ser mercenário. A nobreza do esporte assim desaparece.

 

Pio XII enumera as virtudes cristãs próprias do esporte: a lealdade, a docilidade, a obediência, o espírito de renúncia ao próprio eu em favor da equipe, a fidelidade aos compromissos, a modéstia nos triunfos, a generosidade para com os vencidos, a serenidade na derrota, a paciência com o público, a justiça e a temperança.

 

Com essas virtudes, poderemos ter a “Copa da Paz”, desde que o dinheiro não prevaleça como objeto final, como nos alerta o Papa Francisco.

 

*Bispo da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney

http://domfernandorifan.blogspot.com.br/


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 7796159)/DIA
Vídeos  Testemunhos  4122 A conversão de Peter Kreeft74.80
Diversos  Espiritualidade  4121 O Espírito Santo entre nós69.60
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?29.52
Vídeos  História  4117 O nascimento da Igreja Católica22.83
Diversos  Igreja  4111 9 coisas que afastam as pessoas da Igreja21.95
Diversos  Aparições  4119 Nossos tempos são os últimos?21.19
Diversos  Doutrina  4120 A importância do catecismo18.89
Diversos  Apologética  4109 A virgindade perpétua de Maria na Bíblia15.67
Diversos  Testemunhos  4118 Como a Igreja mudou minha vida15.00
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação14.25
Diversos  Mundo Atual  4113 É o fim do cristianismo e da religião?12.26
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?11.65
Diversos  Apologética  4102 Somente a Bíblia? Mentira!11.62
Diversos  Sociedade  4116 O controle do povo11.41
Diversos  Igreja  4114 Unidade e Contradição11.33
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia11.25
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo11.03
Pregações  Doutrina  4091 O discurso do pobre10.98
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino10.53
Diversos  Sociedade  4115 Honestos e Corruptos10.16
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo10.15
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas9.80
Diversos  Doutrina  4110 Cristo assumiu todas as fraquezas humanas?9.04
Diversos  Protestantismo  3970 A prostituição da alma8.70
Não há dúvida, é mais cômodo ao intelecto humano criar ou inventar do que simplesmente aceitar a realidade religiosa já existente.
Dom Estêvão Bettencourt

Católicos Online