Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

TUDO PELOS JOVENS!

 “A realidade na qual nós vivemos exige que o cristão receba uma formação sólida”, afirma o Papa Bento XVI (1).

 

O Papa Bento XVI iniciou o Ano 2012 com a Santa Missa da Solenidade de Maria Mãe de Deus, cuja mensagem foi: “educar os jovens para a justiça e a paz”, dizendo que “para a comunidade eclesial educar faz parte da missão recebida de Cristo, é uma parte integrante da Evangelização, porque o Evangelho de Cristo é também o Evangelho da justiça e da paz.” Disse ainda “a Igreja nos últimos tempos manifestou a exigência de envolver todas as consciências mais sensíveis e responsáveis pelo destino da humanidade: a necessidade de responder a um desafio crucial que é a educação” e então prosseguiu: “diante das sombras que hoje obscurecem o horizonte do mundo, assumir a responsabilidade de educar os jovens para o conhecimento da verdade dos valores fundamentais da vida, das virtudes intelectuais, teologais e morais, significa olhar para o futuro com esperança. E, neste compromisso com uma educação integral, entra a formação para a justiça e paz”.

 

 

A MISSÃO DOS JOVENS

 

Desde Juventude Transviada, o grande filme dirigido Nicholas Ray e estrelado por James Dean em 1955 no papel de Jim Stark, o mundo não via se abrir nas telas um abismo entre gerações tão evidente.

 

De Juventude Transviada, surgiram vários nomes: juventude perdida (sexo, drogas e rock’n roll), juventude ateísta, juventude ciberamigos.

 

Jovens viciados e totalmente dependentes das redes sociais e da alta tecnologia. Tempo e cérebro condicionados para o mundo virtual, superficial, parcial e infernal. Vivemos a Era Boçal da inteligência artificial.

 

“Violência, armas, drogas e homicídios tornaram-se sedutores para jovens sem futuro”, é a constatação feita pela pesquisadora Thais Cardinale Branco, do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (USP) (2).

 

O documento da Unicef informa que 81 mil adolescentes brasileiros de 15 a 19 anos foram assassinados entre 1998 e 2008. Segundo o texto, o Brasil ocupa o primeiro lugar no ranking mundial de homicídios de jovens. Segundo o coordenador do Programa de Cidadania dos Adolescentes do Unicef no Brasil, Mario Volpi, os adolescentes brasileiros estão mais expostas à violência do tráfico de drogas, às falhas das políticas de segurança e, em algumas áreas, à pobreza: “O números de mortes violentas de adolescentes no Brasil é desproporcional em relação a qualquer outro país” (3).

 

O levantamento nacional sobre álcool e drogas divulgado pela Universidade de São Paulo (USP) mostra que o Brasil é o maior mercado de crack do mundo e o segundo de cocaína. Segundo pesquisa da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) divulgado em 5 de setembro de 2012, as mulheres criam maior dependência em relação ao crack do que os homens (4).

 

Em todo o país, estima-se que mais de 40 mil crianças e jovens desapareçam anualmente, sendo 9 mil delas no Estado de São Paulo. Fugas são mais comuns que subtração ou seqüestro. Cerca de 85% dos menores que desaparecem fugiram de suas casas por causa de suas famílias desestruturadas, explica a psicóloga Eliane Bernardilli, do Serviço de Investigação de Crianças Desaparecidas (SeCride), em Curitiba, Paraná (5).

 

DOCUMENTO DE APARECIDA

 

“O pluralismo de ordem cultural e religiosa, propagado fortemente por uma cultura globalizada, acaba por erigir o individualismo como característica dominante da atual sociedade, responsável pelo relativismo ético e pela crise da família. Muitos católicos se encontram desorientados frente a essa mudança cultural” (nº 479 e 480).

 

Como orientar os católicos diante de tantos desafios? O grande teólogo e ínclito pensador Bento XVI responde: “Com formação sólida”.

 

“Em amplos setores da população, especialmente entre os jovens, cresce o desencanto pela política e particularmente pela democracia, pois as promessas de uma vida melhor e mais justa não se cumpriram ou se cumprirão só pela metade. A democracia e a participação política são frutos da formação que se faz realidade somente quando os cidadãos são conscientes de seus direitos fundamentais e de seus deveres correspondentes” (nº77). “... Os presbíteros que reservam tempo para formação permanente” (nº191).

 

“Uma formação pastoral dos futuros presbíteros e agentes de pastoral capaz de responder aos novos desafios da cultura urbana” (nº 5180).

 

“A neutralização da cultura de morte com a cultura cristã da solidariedade é imperativo no que diz respeito a todos nós e é objetivo constante do ensino social da Igreja” (nº430).

 

Todo sistema para destruição do ser humano está dentro do contexto da cultura de morte. Contra tal sistema e condrictes, temos as armas mais poderosas do planeta para nossa sólida formação e vitória: Sagrada Escritura, Concílio Vaticano II, Catecismo da Igreja e o Compêndio da Doutrina Social da Igreja. Esse é o conjunto de ferramentas grandiosas construtoras da cultura de vida, ou seja, da cultura cristã e salvação eterna.

 

Tudo pelos jovens... e todos construindo a civilização do amor. O fundamento para enfrentar os novos horizontes dos séculos futuros é tão somente a abissal e constante formação sólida.

 

Afirma o Papa Bento XVI: “O mundo necessita de homens e mulheres competentes e generosos, que se coloquem a serviço do bem comum. Empenhem-se nos estudos com seriedade; compartilhem seus talentos e os coloquem desde já a serviço do próximo” (6).

 

Realmente, necessitamos em tudo aprofundamento para o bem social, eclesial, para nossa fé e o nosso bem-estar físico, emocional e espiritual!

 

Pe. Inácio José do Vale

Professor de História da Igreja - Instituto Teológico Bento XVI - Sociólogo em Ciência da Religião

Coordenador Paroquial da JMJ-Rio-2013

E-mail: [email protected]

 

NOTAS:

 

(1)                 L’ossarvatore Romano, 29/09/2012, p. 11.

(2)                 Jornal do Brasil – País, 10/03/2008, p. A7.

(3)                 O Globo – O País, 26/02/2011, p.13.

(4)                 Folha Universal, 23/09/2012, p.5.

(5)                 Jornal do Brasil – País, 11/02/2008, p. A5.

(6)                 Mensagem do Papa Bento XVI, Para o XXVII Dia Mundial da Juventude, nº 4. Roma, 02 de abril de 2012.


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
5 1
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 9060357)/DIA
Pregações  Escatologia  4162 O Anticristo35.19
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?32.28
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns18.71
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação15.08
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.49
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.05
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino11.96
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo11.63
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.07
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.98
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?10.05
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.95
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.90
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria7.81
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.80
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes7.76
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.67
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes7.59
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.26
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?7.14
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo7.12
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.96
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista6.77
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.59
Não há dúvida, é mais cômodo ao intelecto humano criar ou inventar do que simplesmente aceitar a realidade religiosa já existente.
Dom Estêvão Bettencourt

Católicos Online