Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

A ERA DA ORAÇÃO – CONTEMPLAÇÃO

 

“Não existem orações supérfluas; inúteis; nenhuma se perde. E elas encontram respostas; embora às vezes misteriosa, porque Deus é Amor e Misericórdia infinita. A oração educa-nos a ver os sinais de Deus”.

Papa Bento XVI (1)

 

Uma pesquisa feita com 2.200 britânicos revelou que apenas 22% acreditavam que existe um Deus que criou o mundo e que ouve orações. Ainda assim, 55% oravam pelo menos de vez em quando.

 

Um estudo realizado com 10 mil pessoas em quatro continentes mostrou que, dos entrevistados que se diziam ateus, quase 30% oravam.

 

Muitos acham que, para acreditar num Criador, é preciso rejeitar as evidências da ciência moderna. Há quem diga que acreditar em Deus é incompatível com a ciência. Mas isso não é verdade. Considere o seguinte:

Num estudo recente com 1.646 professores de ciência em 21 das mais renomadas universidades dos Estados Unidos, apenas um terço escolheu a opção “Não acredito em Deus”.

 

A verdade é que muitos cientistas acreditam em Deus e sempre aqueles que professam a sua fé são ínclitos. O pai da teoria quântica, o cientista alemão Max Planck disse: “Ciência e religião não estão em contraste, mas têm necessidade uma da outra para se completarem na mente de um homem que pensa seriamente”. O grande cientista francês Louis Pasteur, cristão autêntico, dizia: “a pouca ciência afasta de Deus, mas a muita ciência aproxima de Deus”.

 

Você não vê as ondas de rádio, mas seu celular demonstra claramente a realidade dessas ondas invisíveis que transmitem vozes; por isso, você acredita que essas ondas existem. De maneira similar, apesar de não vermos aquele que ouve nossas orações, podemos analisar as evidências disponíveis que nos convencem de que ele existe.

 

Onde podemos encontrar evidencias de que Deus existe? É só olhar à nossa volta. No belo sentimento do amor, olhando uma mulher grávida, a grandiosidade da natureza, a inteligência humana, o avanço da ciência e o progresso tecnológico, os milagres pelo poder da fé, a vida dos santos, a Bíblia, a Igreja e Nosso Senhor Jesus Cristo.

 

A Sagrada Escritura é uma porta para o conhecimento sobre de Deus. Quando você abre essa porta e analisa suas profecias ricas em detalhes e o cumprimento delas, você encontra evidências de que Deus existe e é o Senhor da História. E, mais do que isso, o registro bíblico de como Deus lidou com as pessoas no passado revela a personalidade daquele que ouve nossas orações. Para as nossas orações o bom Deus tem três respostas: “Sim, não e espere”.

 

CIÊNCIA E ESPIRITUALIDADE

 

Acaba de chegar às livrarias brasileiras o interessante livro “Ciência x espiritualidade” (Editora Sextante, 2012). De forma articulada e inteligente, o físico Leonard Mlodinow e o espiritualista Deepak Chopra debatem e se contrapõem sobre a origem do Universo, a existência de Deus e os caminhos da mente humana. Mlodinow defende a superioridade da razão, da ciência, da comprovação material e inquestionável dos fatos. Chopra, por sua vez, acredita que o ser humano ainda está muito distante de ter a compreensão absoluta do mundo, pois, como prenunciou William Shakespeare, “há mais coisas entre o Céu e a Terra do que supõe nossa vã filosofia”.

 

A medicina, aos poucos, vai aceitando – e assimilando – conceitos até então praticados apenas no Oriente, como uma maior consciência mental sobre a importância do momento presente e os benefícios da ioga e da respiração. A psiquiatria e a psicologia, particularmente, já começam a conciliar a objetividade do Ocidente e a subjetividade do Oriente.

 

Um nome fundamental neste processo é Marsha Linehan, psicóloga americana e pesquisadora da Universidade de Washington. Ela desenvolveu a Terapia Dialética Comportamental, psicoterapia que combina ciência comportamental com conceitos de aceitação e atenção plena, ambos derivados de práticas contemplativas, com um viés filosófico. “Em outras palavras: o paciente precisa aceitar-se como é para, em paralelo, trabalhar para superar-se. Vale ressaltar que, em nenhum momento, Marsha adota um ponto de vista religioso, alinhado com qualquer prática de fé, tal qual Chopra no livro”, escreve a psicóloga Elizabeth Carneiro (2).

O século XXI é considerado o século da revelação da verdade. A verdadeira libertação das incompatibilidades humanas em nossa era e futuras se dará pela conexão do avanço tecnológico, o progresso da ciência com a espiritualidade abissal. O futuro será místico para fazer do ser humano o “O viver Juntos” na construção da solidariedade do amor radical.

 

PROVAS DA EXISTÊNCIA DE DEUS

 

“O homem que não acredita no Criador precisa de mais fé do que aquele que acredita. Ao afirmar que Deus não existe, a pessoa faz uma declaração radical sem provas - um postulado baseado em fé”.

David Block, Astrônomo, Sul-Africano

 

Vejamos as provas abissais.

 

1) A obra da criação. “No princípio, Deus criou o céu e a terra” (Gn 1, 1). Deus Criador de todas as coisas. Nele nós existimos (At 17, 25-28). (Ler Salmo 19 e Romanos 1, 19. 20). Daí a consciência ecológica.

 

“O Universo teve começo, mas o que os cientistas não conseguem responder é o porquê. A resposta é Deus. Para mim, a Bíblia é um livro inspirado por Deus, que ensina a verdade. Tem de haver uma inteligência por trás da complexidade da vida”, afirma o Dr. Ken Tanaka, geólogo planetário do Serviço de Pesquisa Geológica dos Estados Unidos.

 

2) O homem. O homem é a imagem e semelhança de Deus (Gn 1, 26. 27).  O profeta Daniel diz: “A ciência aumentará” (Dn 12, 4). O progresso da ciência e o avanço da tecnologia parte do cérebro humano e não dos animais?

 

“O Deus do amor que eu conheço e amo, o Deus das orações, das escrituras e dos sacramentos, esse é um Deus que eu experimentei e que eles, - os ateus – aparentemente não”, decreta o astrônomo e Padre Dr. Guy Consolmagno que tem mestrado no MIT e pós-doutorado em Harvard e é um dos astrônomos do Vaticano (3). O renomado cientista americano Francis Collins disse: “Rezar é uma forma de entrarmos em contato com Deus. Nesse processo, aprendemos coisas sobre nós mesmos e sobre nossas motivações” (4).

 

3) Jesus Cristo. Jesus de Nazaré foi crucificado sob Pôncio Pilatos, governador romano da Judéia do ano 26 a 36 d. C.

O grande historiado Judeu do primeiro século Flávio Josefo registrou a execução de São Tiago, irmão de Jesus Cristo, às mãos de líderes religiosos Judaicos.

Disse Jesus a Filipe: “Aquele que me viu, viu também o Pai”. “Eu e o Pai somos um” (Jo, 10, 30; 14, 8-10).

 

“Creio que não existe nada de mais belo, de mais profundo, de mais simpático, de mais viril e de mais perfeito do que o Cristo. Se alguém me provar que o Cristo está fora da verdade e que esta não se acha nele, prefiro ficar com o Cristo a ficar com a verdade” escreve o romancista russo Fiodor Dostoievski.

 

O intelectual e general americano Lew Wallace disse depois que seu ateísmo caiu por terra por ter encontrado a salvação no Filho de Deus: “Desde que Jesus tomou a minha vida em Suas mãos, tudo mudou radicalmente. Finalmente descobri o que significa ser feliz” (5).

 

4) A Bíblia. Nenhum livro no mundo foi tão perseguido para ser destruído como a Bíblia Sagrada. E por incrível que pareça! Por aqueles que professavam sua fé nela.

 

É o livro mais traduzido, mais vendido, mais lido e mais mal interpretado do planeta. “Nenhum livro despertou tanta oposição como esse; mas sobreviveu a todos os ataques, por mais intensos, engenhosos e persuasivos que tenha sido. Nenhum exército jamais sobreviveu a tantas batalhas como a Bíblia”, disse o célebre teólogo americano Albert Barnes.

 

A Bíblia é a Palavra de Deus (Mt 4, 4; 22, 29; Rm 15,4.5; 2 Cor 2, 17;Ap 1, 9). “Esse glorioso Livro deve ser a nossa leitura diária”.

 

A Sagrada Escritura é a verdade segura para nossa fé e a nossa fortaleza para casa do Pai, contra todo engano de todos os sistemas mundanos.

 

5) A Igreja. Com dois mil anos de história, já está provado que a Igreja é invencível. Por mais monumental poder que haja em uma camorra e uma máfia eclesiástica não tem nenhuma força para destruir a Santa Igreja.

 

Nenhum sistema político, social, econômico, filosófico, militar, científico e sectário tem o domínio para fazer a Igreja tombar e parar sua bela missão de anunciar a Boa Nova do Reino de Deus.

 

A Igreja é de Jesus Cristo (Mt 16, 18). Daí, a nossa segurança e vitória. A Igreja é coluna e sustentáculo da verdade (1 Tm 3, 15). A Igreja é um grande mistério (Ef 5, 32).

 

Disse o escritor francês Georges Bernanos: “A Igreja é a Igreja dos santos”. E sobre a oração ele escreveu: “O desejo de orar já é oração”.

 

“A Igreja Católica é a única coisa que salva o homem da degradante escravidão de ser um filho de sua época”, dizia o ínclito escritor inglês G. K. Chesterton.

 

Escreve Chesterton: “A Igreja é maior que qualquer coisa no mundo; ela é realmente maior que o mundo. Sua função como guardiã da verdade” (6).

 

O poder de Cristo na Igreja opera em nós para sempre (Ef 3, 19-21). Por isso, nada há temer.

O resultado do nosso conhecimento e amor a Cristo e a Igreja é uma vida cheia de plenitude de Deus.

 

CONCLUSÃO

 

O Universo é o paraíso onde o homem enxerga e ora ao Senhor Deus Criador por intermédio de Jesus Cristo Redentor, proclama o Santo Evangelho libertador como missão principal da Igreja. No poder do Espírito Santo toda verdade é revelada para salvação das almas.

 

O homem que ora a Deus, não só acredita Nele e na Sua fortaleza, como o Todo-Poderoso acredita na potência do homem.

 

Depois da Era Industrial, Política, Filosófica; encontramos a Era Espacial, da Informação e da Imaginação, no entanto, a maior de todas será a Era da Oração-Contemplação. Vamos viver com plenitude a inteligência espiritual.

 

A vida só tem sentido, só pode ser feliz e com caridade no progresso da oração. Toda máquina no seu ambiente digital vai impulsionar grandiosamente a Era da Oração.

 

Pela maior revolução em toda história da humanidade, a Era da Oração-Contemplação vai tomar todo espaço físico, virtual, emocional, moral e espiritual para eliminar toda forma de intolerância, preconceito, fundamentalismo, fanatismo e exclusão.

 

Vai ter fim o mundo da separação pela comunidade do “Viver Juntos”. Um Novo Céu e Uma Nova Terra para felicidade eterna de todos. Temos um Pai, e somos todos irmãos, então...

 

O século XXI é o século da religião ecumênica do amor. De estar juntos em oração, contemplação e na caridade.

 

Pe. Inácio Jose do Vale

Sociólogo em Ciência da Religião - Professor de História da Igreja - Instituto de Teologia Bento XVI

Pesquisador do CAEEC (Área Pós-Graduação)

E-mail: [email protected]

 


Memorial de Uma Oração Por Um Amor Com Flores

 

Os olhos dos outros a nossa existência.

Os olhos do jardineiro desconfiam:

- O marido é ou não é o homem que sabe fazer a mulher feliz?

Perguntam-me esses olhos com um início de indignação:

- Então, por quê? Por que trabalho para fazer bonito este jardim?

Respondo, entre tímida, estiolada e resoluta, passeando com os olhos no rosto dele, que um belo jardim ajuda-me a ter esperanças de que o marido aprenda a amar com flores.

Entendemo-nos, pois:

Gente com gente, trabalho com trabalho.

Choro minhas pitangas por cá [quando o trabalho não dá certo].

Certamente ele chora as deles em algum lugar [longe dos meus olhos].

Não fosse assim, não teríamos esse dialogo de olhos tão claros [um ao pé do outro].

E cheios de pétalas de rosas.

O jardineiro espalha o adubo sobre a terra.

(um tom de marrom a mais que o adubo).

Parece um balé de cores próximas.

Um balé de movimentos leves executado delicada e magicamente pelo jardineiro com o aparente desauxílio da força muscular.

Meus olhos marejam sobre terra firme e adubada.

Os olhos dos outros rezam a nossa existência.

 

Poema de Camila do Valle

 

Notas:

(1)                 L’osservatore romano, 15/09/2012, p. 3.

(2)                 O Globo, 29/09/2012, p. 21.

(3)                 O Globo, 15/09/2012, p. 45.

(4)                 Veja, 24/01/2007, p. 15.

(5)                 Jesus: nossa única chance! São Paulo: Depósito de Literatura Cristã, 2007, p. 17.

(6)                 Chesterton, G. K. Todos os caminhos levam a Roma. São Paulo: Editora Oratório, 2012, pp. 71 e 72.


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
7 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 8723251)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?32.02
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação14.90
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.38
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns13.27
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?12.80
Diversos  Doutrina  4147 Senhor, quantos serão salvos?11.74
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino11.73
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo11.09
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia11.06
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas10.71
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?9.29
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.98
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.82
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo7.79
Vídeos  Testemunhos  4146 A Eucaristia na Igreja7.71
Vídeos  Liturgia  4145 Missas de Cura e Libertação7.61
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.53
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.40
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes7.11
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista7.08
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová7.03
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.89
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?6.61
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?6.57
O pecado é sempre uma 'droga', mentira de falsa felicidade.
Papa Bento XVI

Católicos Online