Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

PERGUNTE E RESPONDEREMOS 009 – setembro 1958

O Celibato do Clero

A. F. L. (Recife): Caro amigo, não há motivo para se abalar. As razões apresentadas por seu interlocutor contra o celibato do clero, por mais capciosas que sejam, não passam de sofismas, como V. S. depreenderá de uma serena análise das mesmas.

1)"O matrimônio é um direito natural". — Sim. Disto se segue que também é uma obrigação? Não; a conclusão ultrapassaria as premissas. Do texto de Gên 1, 28 ("Crescei e multiplicai-vos...") decorre apenas que a coletividade do gênero humano deve prover à propagação da espécie — coisa que se pode obter sem que todo e qualquer indivíduo se case.

Sim, "o matrimônio é um direito natural", mas poderia o cristão dizer que vive na ordem meramente natural, guiado exclusivamente por critérios naturais? Não; o cristão foi elevado a um plano sobrenatural, um plano que São Paulo diz ser por vezes ininteligível ao homem "psíquico" (orientado pela mera natureza), mas plenamente compreensível a quem tem o Espírito de Deus (cf. 1 Cor 2,14s).

Pois bem, na ordem sobrenatural estão em vigor os seguintes princípios: o matrimônio é algo de muito santo, instituição natural que Cristo elevou a nova dignidade, tornando-a sacramento, isto é, canal comunicador de graças e santidade aos cônjuges (cf. Ef 5,32). Quanto ao celibato abraçado por amor ao Reino dos céus, constitui uma vocação ainda mais nobre e bela do que o matrimônio (cf. 1 Cor 7,1 8. 25-28. 38-49; Mt 19,12); permite a vida una, indivisa, de adesão ao Senhor: "Aquele que não é casado, cuida das coisas do Senhor, em como há de agradar ao Senhor. Aquele, porém, que é casado, cuida das coisas do mundo, em como há de agradar à mulher..." (1 Cor 7,32s). Este ponto de doutrina se acha desenvolvido em "P. R. 4/1957, qu. 7;  e 7/1957 qu. 7.

2) Mas “é melhor casar-se do que abrasar-se (em concupiscência)” diz o Apóstolo em 1 Cor 7,9. — E se alguém, por graça de Deus, não se sente abrasado no celibato?... Pode crer que também isto se dá. A virgindade é dom de Deus, dom que o Senhor outorga realmente quando chama alguém ao sacerdócio entre nós. O sacerdote que tenha sido ordenado mediante comprovados sinais de vocação, sabe que, da parte de Deus, não lhe faltará a graça de estado necessária para ser fiel (as quedas nada provam em contrário, pois a graça não extingue a liberdade de arbítrio).

3) O fato de que a Igreja, por instituição de Cristo, é contrária à dissolução do matrimônio, não significa que ela deva mandar a todos os seus filhos que se casem. Bem se vê que os critérios que levam a repudiar o divórcio, não têm que ver com os critérios que levam a recomendar o matrimônio a determinado indivíduo.

4) Seu estimado interlocutor apela para o Antigo Testamento : Lev 21,13s; Ez 44,22. — Seja-nos permitido perguntar: Se o Antigo Testamento vale ao pé da letra para o cristão, porque é que o distinto interlocutor não observa todas as demais prescrições da Lei de Moisés: o repouso do sábado, a distinção entre animais puros e impuros, as purificações rituais para quem haja tocado um cadáver, um leproso, e a indumentária sacerdotal com seu efod? Será que nosso irmão separado não aceita a explicação de São Paulo aos Gálatas, a qual nos diz que, para quem quer voltar à Lei de Moisés, de nada servem o Cristo e a Redenção? "Separados estais de Cristo, vós que vos justificais pela Lei; da graça tendes caído" (Gál 5,4) — Em particular, o sacerdócio do Antigo Testamento com suas instituições cedeu ao do Novo Testamento, conforme S. Paulo.

O caro oponente afirma que uma parte obscura da S. Escritura deve ser entendida pelos trechos claros concernentes ao mesmo assunto. Ótima norma de exegese ! — Ora nós, cristãos, dizemos que os textos obscuros, típicos, são os do Antigo Testamento e que os do Novo Testamento são mais claros, pois "o fim da Lei é Cristo" (Rom 10,4); todo o Antigo Testamento, portanto, deve ser visto à luz do Cristo, isto é, do Novo Testamento, e não vice-versa. Parece, porém, que o amigo contendente quer justamente interpretar o Novo Testamento (1 Cor 7; ML 19,32) à luz do Antigo.

5) A "irmã" mencionada em 1 Cor 9,5 significa, como julgam os melhores exegetas, uma cristã que provia às necessidades dos Apóstolos em viagem. Caso, porém, significasse "esposa", a passagem citada nos lembraria apenas aquilo que sabemos: alguns (muitos ou poucos?) Apóstolos se haviam casado antes de ser chamados por Cristo. Disto não se segue preceito algum para nós. São João era virgem. Ademais o Senhor aconselha não a todos, mas a quem tenha o chamado interior, abandone até mesmo a esposa para poder dedicar-se inteiramente ao Reino de Deus: "Se alguém vier a Mim e não aborrecer seu pai, sua mãe, sua esposa, seus filhos... não pode ser meu discípulo" (Lc 14,26; cf, Lc 18,29).

Sendo assim, bom irmão, tranquilize seu interlocutor. Cristo está com os Apóstolos e seus sucessores até a consumação dos séculos (cf, Mt 28,20).

 

Dom Estêvão Bettencourt (OSB)


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 9359484)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?82.55
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns21.91
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação15.18
Diversos  Igreja  4166 Papa Leão XIII e a visão de Satanás14.31
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.69
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.16
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo13.10
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino12.05
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.16
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.88
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?10.42
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes8.33
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria8.23
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.89
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.83
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.75
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes7.74
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.69
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?7.45
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.33
Diversos  Testemunhos  4164 Testemunho de minha travessia7.14
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.94
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo6.78
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.68
A fé descobre valores onde a razão não os percebe.
Dom Estêvão Bettencourt

Católicos Online