Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

O amor é o sentimento próprio dos filhos de Deus e a liberdade é a sua lei

 

Evangelho segundo São Mateus (Mt) 5, 43-48

 

(43) Tendes ouvido o que foi dito: Amarás o teu próximo e poderás odiar teu inimigo.

(44) Eu, porém, vos digo: amai vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam, orai pelos que vos [maltratam e] perseguem.

(45) Deste modo sereis os filhos de vosso Pai do céu, pois ele faz nascer o sol tanto sobre os maus como sobre os bons, e faz chover sobre os justos e sobre os injustos.

(46) Se amais somente os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem assim os próprios publicanos?

(47) Se saudais apenas vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não fazem isto também os pagãos?

(48) Portanto, sede perfeitos, assim como vosso Pai celeste é perfeito.

 

Queridos irmãos e irmãs, Jesus Cristo continua, no Sermão da Montanha, explicando a lei do Antigo Testamento e levando essa lei à plenitude.

São Paulo na carta aos Gálatas vai colocar de maneira resumida essa nova lei de Jesus Cristo numa frase muito contundente. Ele diz: "A liberdade é a lei dos filhos de Deus" (cfr. Gl 5).

Nossa lei verdadeiramente é a liberdade. No AT havia uma separação muito clara entre inimigos, ou seja, aqueles que não são amigos, aqueles que são diferentes, aqueles que são de fora; e os próximos, que eram os irmãos, os israelitas, os que tinham a mesma raça e a mesma religião. Aos próximos o amor, aos inimigos, a paulada, a justiça... uma justiça que era marcada pelo ódio, pela desconfiança, pelo desamor, por aquele esforço em sempre marcar essa linha que dividia os amigos dos inimigos.

Jesus Cristo vem romper essa divisão quando nos explica o sermão da montanha. E na verdade Ele vem dar ao nosso coração a verdadeira liberdade que é própria dos filhos de Deus.

Se começarmos a guiar a nossa vida pelo princípio da retribuição: quem me ama eu amo, quem não me ama eu odeio; se começarmos a contar e medir nossos passos somente por esse tipo de critério e de medida, nós vamos ter um coração sempre aprisionado, pois se eu acho que o meu ódio, ou o meu desamor, é justificável, porque afinal de contas o outro me odeia e não me ama, então meu ódio vai ser maior ainda que o dele, pois vou achar que tenho o direito de odiá-lo, direito de não amá-lo.

Jesus Cristo nos chama a romper essas cadeias do nosso coração. Como eu dizia ontem, e Jesus Cristo usa hoje no evangelho exatamente o mesmo argumento, o amor é o sentimento próprio dos filhos de Deus. No versículo 45, Ele vai dizendo isso "assim vos tornarei filhos do vosso Pai que está nos céus, porque Ele faz nascer o sol sobre os maus e sobre os bons, e faz cair a chuva sobre os justos e sobre os injustos."

Nós não somos filhos simplesmente adotivos de Deus, a quem Ele deu uma herança e um sobrenome. Nós somos filhos de verdade, Ele nos deu Seu Espírito, Ele nos deu Seu coração. Por isso precisamos amar como Deus ama também. Somos feitos filhos de Deus de verdade.

No final do evangelho Jesus Cristo termina: "porque se amais somente àqueles que vos amam, que recompensa tereis? Os cobradores de impostos não fazem o mesmo? E se saudais somente os vossos irmãos, o que fazeis de extraordinário? Os pagãos não fazem a mesma coisa?” (vv. 46-47) Meus queridos, Jesus Cristo no evangelho disse que se a nossa justiça não for maior que a justiça dos doutores da lei e dos fariseus, nós não entraremos no reino dos céus.

Se o nosso irmão está esperando de nós o ódio, porque talvez ele nos odeia, respondamos a ele com amor, se está esperando de nós a vingança, respondamos com compreensão, respondamos com orações, respondamos com um cuidado ainda maior, levemos nossos irmãos para Deus mesmo que eles nos mandem para outros lugares piores. Sejamos nós aqueles que respondem com amor, quebrando assim esse círculo de vingança e de ódio, a que o nosso sentimento muitas vezes obriga-nos viver.

No último versículo Jesus Cristo termina: "portanto, sede perfeitos como vosso Pai celeste é perfeito" (v.48).

Peçamos essa graça a Deus. Que neste mês do Sagrado Coração de Jesus, repitamos muitas vezes, "Jesus, manso e humilde de coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso" e assim seremos perfeitos como o Pai.

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo!


Padre José Ruy

Ver mais pregações do Pe. José Ruy.

 


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
9 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 7986207)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?29.66
Vídeos  Mundo Atual  4128 A 'Humanae Vitae' e a apostasia dos cristãos21.81
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação14.33
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?11.86
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia11.17
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino10.62
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo10.33
Diversos  Prática Cristã  4123 Sete coisas que eu aprendi com a pornografia10.23
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas9.97
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo9.36
Diversos  Igreja  4111 9 coisas que afastam as pessoas da Igreja8.72
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?8.45
Diversos  Apologética  4109 A virgindade perpétua de Maria na Bíblia8.12
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista8.05
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.94
Vídeos  Prática Cristã  4127 Como controlar a irritação?7.79
Diversos  Protestantismo  3970 A prostituição da alma7.70
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns7.64
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.63
Diversos  Espiritualidade  4126 Evitar a mente perturbada7.47
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos7.40
Vídeos  História  4117 O nascimento da Igreja Católica7.29
Diversos  Espiritualidade  4121 O Espírito Santo entre nós7.29
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.13
Tem cuidado pela unidade, pois nada há de melhor.
Sto. Inácio de Antioquia (35-110)

Católicos Online