Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

Pregações: Homilias - Nossa União com Jesus Cristo - por Padre José Ruy

Nossa União com Jesus Cristo

Caríssimos irmãos e irmãs, se nós prestarmos atenção, o evangelho que lemos hoje foi o mesmo evangelho que nós lemos no domingo passado. E no domingo passado falávamos do que é central no mistério da Igreja: nossa união com Jesus Cristo.

E por que Jesus Cristo utiliza a parábola da videira?
Utiliza a parábola da videira porque a nossa união com Ele é uma união de vida, é uma questão de “vida em Jesus Cristo” e não simplesmente uma questão de ligação exterior, do mesmo modo que um ramo que pode estar ligado à videira sem dar frutos.

Ser igreja é vivermos a vida que Jesus Cristo nos oferece. E essa vida depende principalmente de estarmos ligados à Cristo.

Neste mundo, nós poderemos viver uma verdadeira ilusão, achando que estamos unidos à Jesus. Mas nos unimos a Ele de que modo? Simplesmente porque no meu coração eu acredito nele, ou simplesmente porque é um sentimento que me invade quando eu me coloco a rezar? Isso tudo seria uma ilusão!
Nossa união com Jesus Cristo acontece por modos concretos, que Ele mesmo instituiu neste mundo para que nós tivéssemos vida nele.

Em primeiro lugar, nossa vida em Jesus se dá porque nós estamos unidos a Ele pela fé. A fé é um presente de Jesus Cristo. Ele veio a este mundo para nos revelar o rosto do Pai e aquilo que nós precisamos saber para amá-lo.
Às vezes colocamos, sem nenhum escrúpulo, esta fé em perigo e não nos damos conta que estamos justamente colocando em perigo uma das ligações que nós temos com Jesus Cristo. Não temos medo de questionar a nossa fé até o absurdo! Não procuramos conhecê-la, mas não temos medo de questioná-la vendo filmes ou lendo livros que nós sabemos que vão diretamente contra fé... e nos parece que não fazemos nada de errado. Em compensação, colocamos em perigo algo precioso, que nos une a Jesus.

A ligação pela fé é a primeira. A segunda é uma ligação pela Palavra de Deus e pelos Sacramentos.

Jesus Cristo instituiu sacramentos que nos unissem a Ele e nos deixou sua Palavra pelo mesmo motivo, e tantas vezes tratamos com indiferença e pouco valor estes sacramentos.
É claro, os sacramentos são sacramentos da fé e são também sacramentos da esperança. Quando nós comungamos o corpo e o sangue de Cristo, comungamos algo maravilhoso, como eu digo sempre, não comungamos simplesmente uma graça, mas o próprio autor da graça, que é Jesus Cristo. Só que essa comunhão não é perfeita, não é plena. Ela é esperança daquela comunhão plena que teremos no céu. E por isso também é um modo de nos ligarmos a Jesus e recebermos dele a vida verdadeira que teremos em plenitude no céu.

Existe ainda um terceiro modo de nós nos ligarmos a Jesus, que é pela caridade.
Quando amamos a Deus, mas amamos de verdade, nos colocamos dentro da Igreja, e essa caridade se manifesta concretamente neste mundo pela hierarquia: pelo Papa, pelos bispos, pelos padres, pelos irmãos e irmãs da fé, pelas leis que regem a Igreja. Se procuramos fazer o que nos dizem os nossos pastores, se procuramos ouvir com sabedoria, com obediência e também com docilidade aquilo que a Igreja nos diz e nos ensina para que sejamos verdadeiramente filhos e filhas de Deus e caminhemos no caminho de Jesus, então estaremos de fato ligados a Nosso Senhor Jesus Cristo.

Na parábola da videira e dos ramos, Jesus Cristo nos mostra três tipos de ramos:
Uns estão ligados exteriormente à videira, mas não dão frutos. Ora, isto também não basta. No domingo passado nós refletíamos que infelizmente existem muitíssimos que receberam os sacramentos, foram batizados, vêm às vezes à Eucaristia, uma vez ou outra, mas parece que não conseguem produzir frutos, porque exteriormente estão com Jesus, mas ainda não vivem a vida dele;

Outros ramos que Jesus Cristo coloca na parábola de hoje são aqueles que, unidos a Ele, dão frutos. Peçamos a Deus a graça de sermos como estes: que estejamos unidos a Ele exteriormente, pela palavra, pela fé, pelos sacramentos, pela hierarquia da Igreja, mas que demos também muitos frutos, para que nós não sejamos do terceiro tipo: que são os ramos que foram cortados da videira e secaram.

Peçamos a Deus a graça de vivermos neste mundo a Sua vida, que é a vida divina, e darmos muitos frutos para a Sua glória, pois como Ele disse no final do evangelho, "nisso o meu Pai é glorificado, que deis muito fruto e vos torneis meus discípulos".

Padre José Ruy

Ver mais pregações do Pe. José Ruy.
Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
7 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 7986225)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?29.66
Vídeos  Mundo Atual  4128 A 'Humanae Vitae' e a apostasia dos cristãos21.79
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação14.33
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?11.86
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia11.17
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino10.62
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo10.33
Diversos  Prática Cristã  4123 Sete coisas que eu aprendi com a pornografia10.23
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas9.97
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo9.36
Diversos  Igreja  4111 9 coisas que afastam as pessoas da Igreja8.72
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?8.45
Diversos  Apologética  4109 A virgindade perpétua de Maria na Bíblia8.12
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista8.05
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.94
Vídeos  Prática Cristã  4127 Como controlar a irritação?7.79
Diversos  Protestantismo  3970 A prostituição da alma7.70
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns7.64
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.63
Diversos  Espiritualidade  4126 Evitar a mente perturbada7.47
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos7.40
Vídeos  História  4117 O nascimento da Igreja Católica7.29
Diversos  Espiritualidade  4121 O Espírito Santo entre nós7.29
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.13
Eu te dou graças, Senhor, por tão grandes benefícios. Jamais chegaria eu por mim mesmo a descobrir a tua benevolência. Em conseqüência, ouso pedir-te mais uma dádiva: não permitas que eu seja indiferente ao teu santo desígnio, numa vida rotineira ou superficial. Seja eu ardoroso na tarefa de me configurar ao teu Filho e assim chegar a contemplar as Vossas maravilhas, a luz da Verdade e o brilho da tua Face, razão suprema da minha existência!
Dom Estêvão Bettencourt

Católicos Online