Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

Santo Antônio de Sant'Anna Galvão
(Frei Galvão)

25 de Outubro

Conhecido como "o homem da paz e da caridade", Antônio de Sant'Anna Galvão nasceu no dia 10 de maio de 1739, na cidade de Guaratinguetá (SP).
Link para vídeo.

Filho de Antônio Galvão, português natural da cidade de Faro em Portugal, e de Isabel Leite de Barros, natural da cidade de Pindamonhangaba, em São Paulo. O ambiente familiar era profundamente religioso. Antônio viveu com seus irmãos numa casa grande e rica, pois seus pais gozavam de prestígio social e influência política.

O pai, querendo dar uma formação humana e cultural segundo suas possibilidades econômicas, mandou Antônio, com a idade de 13 anos, à Bahia, a fim de estudar no seminário dos padres jesuítas.

Em 1760, ingressou no noviciado da Província Franciscana da Imaculada Conceição, no Convento de São Boaventura do Macacu, na Capitania do Rio de Janeiro. Foi ordenado sacerdote no dia 11 de julho de 1762, sendo transferido para o Convento de São Francisco em São Paulo.

Em 1774, fundou o Recolhimento de Nossa Senhora da Conceição da Divina Providência, hoje Mosteiro da Imaculada Conceição da Luz, das Irmãs Concepcionistas da Imaculada Conceição.

Cheio do espírito da caridade, não media sacrifícios para aliviar os sofrimentos alheios. Por isso o povo a ele recorria em suas necessidades. A caridade de Frei Galvão brilhou, sobretudo, como fundador do mosteiro da Luz, pelo carinho com que formou as religiosas e pelo que deixou nos estatutos do então recolhimento da Luz. São páginas que tratam da espiritualidade, mas em particular da caridade de como devem ser vivida a vida religiosa e tratadas as pessoas de dentro e de fora do "recolhimento".

Às 10 horas do dia 23 de dezembro de 1822, no Mosteiro da Luz de São Paulo, havendo recebido todos os sacramentos, adormeceu santamente no Senhor, contando com seus quase 84 anos de idade. Foi sepultado na Capela-Mor da Igreja do Mosteiro da Luz, e sua sepultura ainda hoje continua sendo visitada pelos fiéis.

Sobre a lápide do sepulcro de Frei Galvão está escrito para eterna memória: "Aqui jaz Frei Antônio de Sant'Anna Galvão, ínclito fundador e reitor desta casa religiosa, que tendo sua alma sempre em suas mãos, placidamente faleceu no Senhor no dia 23 de dezembro do ano de 1822". Sob o olhar de sua Rainha, a Virgem Imaculada, sob a luz que ilumina o tabernáculo, repousa o corpo do escravo de Maria e do Sacerdote de Cristo, a continuar, ainda depois da morte, a residir na casa de sua Senhora ao lado de seu Senhor Sacramentado.

Frei Galvão é o religioso cujo coração é de Deus, mas as mãos e os pés são dos irmãos. Toda a sua pessoa era caridade, delicadeza e bondade: testemunhou a doçura de Deus entre os homens. Era o homem da paz, e como encontramos no Registro dos Religiosos Brasileiros: "O seu nome é em São Paulo, mais que em qualquer outro lugar, ouvido com grande confiança e não uma só vez, de lugares remotos, muitas pessoas o vinham procurar nas suas necessidades".

O dia 25 de outubro, dia oficial do santo, foi estabelecido, na Liturgia, pelo saudoso Papa João Paulo II, na ocasião da beatificação de Frei Galvão em 1998 em Roma. Com a canonização do primeiro santo que nasceu, viveu e morreu no Brasil, a 11 de maio de 2007, o Papa Bento XVI manteve a data de 25 de outubro.

Santo Antônio de Sant'Anna Galvão, rogai por nós!

 


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 1
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 6291095)/DIA
Diversos  Milagres  3892 O Milagre Eucarístico de Lanciano186.25
Diversos  Reflexões  3891 Carta Aberta aos Católicos Perplexos168.87
Pregações  Homilias  3893 Deixa a luz de cristo entrar!83.50
Diversos  Liturgia  3889 Comunhão na mão: quatro consequências77.27
Diversos  Aparições  3888 Ainda o terceiro segredo de Fátima63.98
Diversos  História  3890 Jesus Cristo existiu mesmo?53.73
Pregações  Homilias  3887 Como pedir, o que pedir e a quem pedir50.52
Diversos  Documentos  3885 Quando há nulidade de casamento?31.98
Diversos  Eventos  3886 Fiat Lux !29.73
PeR  História  3880 Idade Média, o que não nos ensinaram28.77
Diversos  Escrituras  3884 Como surgiu a Bíblia?27.49
Pregações  Homilias  3882 O evangelho da transfiguração25.05
Diversos  Ética e Moral  3881 O Vaticano e a Igreja, quem está no controle?24.56
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?24.18
Pregações  Homilias  3878 As tentações do deserto24.06
Vídeos  Aparições  3879 Não há muito tempo, Jesus virá!23.92
Pregações  Mundo Atual  3877 Paradoxos de nosso tempo23.17
Diversos  Prática Cristã  3883 A quem devemos agradar?17.98
Diversos  Protestantismo  3738 Como Calvino me fez Católico16.07
Diversos  Eventos  3869 O que significa Maria no carnaval?16.05
Diversos  Testemunhos  3876 De Adventista a Freira!15.46
Pregações  Homilias  3870 Perdoar é curar com auxílio da fé15.13
Diversos  Ciência e Fé  3862 A origem traumática da homossexualidade masculina13.89
Diversos  Sociedade  3873 A maçonaria e o estado laico13.36
A consequencia da aventura louca chamada protestantismo é a apostasia.
Padre Paulo Ricardo

Católicos Online