Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

PERGUNTE E RESPONDEREMOS 547 – janeiro 2008

Mais uma vez:

 

"O SEGREDO"

por Felipe Aquino

 

Em síntese: O prof. Felipe Aquino é Professor universitário que por 35 anos lecionou Física. Além do quê, fez o doutoramento em mecânica. Por conseguinte tem sobeja autoridade para alertar o público sobre o engodo de "O Segredo" (livro e filme).

 

A Redação de PR recebeu do Prof. Felipe Aquino (atualmente em Lorena SP) o artigo que vai abaixo publicado com os agradecimentos de PR ao ilustre colaborador.

 

O Segredo

 

Circulou na internet e também em filme e livro O SEGREDO, que pretende apresentar à humanidade uma técnica para resolver todos os problemas do ser humano e dar-lhe uma vida de rei milionário e super-famoso. É tudo o que o homem moderno mais deseja; por isso, o tal "Segredo" ganha mais adeptos a cada dia, especialmente entre os que não estão acostumados a ponderar as filosofias antes de engoli-las.

 

Li alguma coisa sobre o tal "Segredo" na Internet; mas o suficiente para ter uma opinião formada. Pretensamente querem basear-se na Física clássica de Isaac Newton, usando a lei da gravitação universal e da atração dos corpos, para justificar a atração de tudo o que se desejar: dinheiro, sucesso, fama, etc... Da mesma forma os mentores do Segredo querem justificar o mesmo com a Física Quântica; porém não apresentam uma prova sequer do que afirmam.

 

Se o tal Segredo fosse verdadeiro, ninguém mais precisaria de se preocupar em levantar cedo para trabalhar pesado, ou estudar muito para ter um lugar ao sol.

 

Fui professor universitário durante 35 anos, lecionei Física nesses anos; fiz mestrado e doutorado em Mecânica (UNIFEI, UNESP, ITA), e não vejo a menor lógica em se justificar o tal Segredo com estas leis. Parece-me uma mera fantasia, sem fundamentos científicos. Se fosse verdade, acabariam todos os problemas da humanidade.

 

Ninguém nega que o pensamento positivo é importante, pois predispõe a pessoa a lutar com mais motivação e vontade para vencer; mas isto não quer dizer que ela vá resolver todos os seus problemas. Aquilo de que desconfio, é que esta "técnica" tem por objetivo, sutilmente, eliminar a crença em Deus; como na Meditação Transcendental, na exaltação do poder da mente, e coisas semelhantes, especialmente para conquistar os universitários e afastá-los de Deus. Vejo aí um cheiro de Nova Era, que promete resolver todos os problemas do mundo e do homem, mas com um falso Messias e uma falsa religião, onde o homem substitui e ocupa o lugar de Deus.

 

Promete-se resolver todos os problemas, conquistar todas as riquezas, prazeres, poder e tudo mais; ora, isto não se coaduna com a fé católica, que manda sermos humildes, discretos e comedidos. Jesus não prometeu nada disso a seus discípulos. Ao contrário, Ele disse: "quem quiser ser meu discípulo tome a sua cruz a cada dia e me siga" (Lc 9, 23). Portanto, bastam poucas palavras e uma rápida análise para ver que o tal Segredo não se coaduna com a fé católica.

 

O longo texto que li na Internet diz que:

 

"O Segredo foi conhecido e usado ao longo do tempo. Desde o Egito Antigo... à Babilônia, o Segredo viajava ao longo da História. Platão e seus seguidores conheciam o Segredo. Mas o Segredo foi suprimido por questões religiosas. Ocultaram-no. Poucos o conheceram dede então e tentaram revelá-lo subliminarmente. Alguns foram Leonardo Da Vinci, Francis Bacon. Shakespeare, Newton, Mozart, Victor Hugo, Papus, Blavatsky, Besant, Leadbeater...". Mas o texto não traz qualquer comprovação bibliográfica destas afirmações.

 

E me chama a atenção dizer que o tal Segredo foi oculto por “razões religiosas”. O texto continua dizendo que:

 

"Pouco a pouco a religião perdeu a autoridade para explicar o Universo. Em 1859 o britânico Charles Darwin lançou a sua teoria sobre a evolução das espécies, contra a idéia da criação divina. E o fosso entre a religião e a Ciência tornou-se intransponível. A Humanidade mudou e não mais teme as imposições e os castigos religiosos. A Ciência sobrepôs-se. A Ciência avançou tanto que não há dificuldade em se construírem naves espaciais, enviar pessoas à Lua e prever-se com a precisão de fração de segundo a sua aterrissagem. Em face do progresso da Ciência, o Segredo está sendo disseminado! Esse Segredo dá-lhe tudo o que você desejar: saúde, amor, abundância, felicidade. Você pode conseguir o que quiser quando aprender a aplicá-lo na sua vida diária".

 

É fácil ver neste texto a mesma lógica dos racionalistas e iluministas dos séculos XVII a XIX, que queriam destruir o catolicismo, jogando a Ciência contra a fé, desprezando Deus e perseguindo a Igreja. É uma comida requentada.

 

O tal Segredo promete resolver tudo: cura física, cura mental, cura de relacionamentos, milagres financeiros. Você pode ser, ter, fazer qualquer coisa que quiser. Ele pode lhe dar Saúde, Harmonia, Paz, Amor, Doçura, Tranquilidade. Você pode ser milionário e ter todo o sucesso do mundo.

 

Ora, eu pergunto: onde haverá dinheiro e bens para todos serem milionários no mundo?

 

Outra frase marcante do texto é esta: "Todos nós funcionamos com um poder infinito... Todo poder vem de dentro e está, portanto, sob o nosso controle". Ora, então somos deuses e não homens! Se temos um poder "infinito", então somos deuses; e aí caímos no panteísmo, que não se coaduna com a fé católica.

 

O texto tenta ainda colocar grandes personagens da humanidade como beneficiados pelo Segredo da Atração: Winston Churchill, Albert Einstein, Madre Teresa de Calcutá, Alexander Graham Bell, etc., mas não dá prova clara dessas afirmações.

 

A lei da Atração sugere que "eu basto a mim mesmo", que tenho força e autonomia para fazer o que quiser sozinho. Muitos gostariam disso; mas não é a vontade de Deus. Ele nos supre e assiste pela sua Divina Providência e nos ama com amor eterno, que tudo nos concede contando com o nosso trabalho.

Prof. Felipe Aquino - www.cleofas.com.br

 

 

Dom Estêvão Bettencourt (OSB)


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
7 1
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 9346386)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?82.60
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns21.69
Diversos  Igreja  4166 Papa Leão XIII e a visão de Satanás20.53
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação15.17
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.67
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.15
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo12.97
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino12.04
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.15
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.89
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?10.40
Diversos  Testemunhos  4164 Testemunho de minha travessia9.23
Diversos  Mundo Atual  4163 A Armadilha da Misericórdia8.30
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes8.28
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria8.21
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.89
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.83
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.76
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes7.73
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.69
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?7.43
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.32
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.94
Aulas  Doutrina  4165 Indulgências Plenárias, como obter?6.92
Se a consciência do pecado é a marca dos santos, a falta desta consciência em Jesus, que não obstante possuía uma alma profundamente religiosa, constitui um enigma para quem o observa à luz da mera razão.
Dom Estêvão Bettencourt

Católicos Online