Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

Pregações: Doutrina - Qual é o destino do espírito condenado ao inferno? - por Padre Paulo Ricardo

(áudio)

Qual é o destino do espírito condenado ao inferno?

'O ser inteiro, espírito, corpo e alma ... será guardado para a vinda de Nosso Senhor'... da carta aos Tessalonicenses. Como explicar essa tripartição de alma e espírito?
Do catecismo:
Espírito significa que o homem, corpo e alma, está ordenado desde sua criação para um fim sobrenatural e sua alma é capaz de ser elevada gratuitamente à comunhão com Deus.
Não é que tenhamos três partes. A união de corpo e alma produz a natureza humana que tende para Deus. Essa tendência para Deus é o que se chama espírito.
Ao se dizer 'neste lugar da alma habita Deus', isso é uma comparação.

S. Basílio Magno usa uma comparação dramática:
'Os condenados no inferno serão partidos ao meio para serem entregues às chamas eternas'.
Por que? Porque vai lhe ser arrancado o espírito, pois o Espírito Santo não pode ir para o inferno. Como o Espírito faria parte do ser humano, ele teria que ser 'partido' ao meio.

Se o espírito é a tendência do homem para a comunhão com Deus, o inferno é o oposto. Quando Satanás resolve fechar-se para essa comunhão, ele está se autodestruindo.
Para quem foi criado para a comunhão, a desunião significa sua destruição.
'O salário do pecado é a morte', diz S. Paulo. Ao pecar, dentro do próprio pecado há algo de mortífero que nos leva à destruição.
O pecado que eu cultivo durante a vida, será no fim, no juízo, cristalizado. Assim, aquilo que eu fui é o quê estou decidindo ser por toda a eternidade. No inferno, entra-se num processo de autodestruição ao escolher a não comunhão com Deus.
Isto é o que é a morte eterna, a realidade de uma morte contínua que não se acaba.

Fonte: site Christo Nihil Praeponere

Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
7 1
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 9689659)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?81.09
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns26.08
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação15.84
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo14.26
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.99
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.46
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino12.47
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.38
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?11.34
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.73
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes9.68
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria8.80
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?8.47
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes8.31
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade8.18
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?7.91
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.82
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.54
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.54
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.89
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.51
Diversos  Apologética  3960 Deus não divide sua glória com ninguém?6.44
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista6.43
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo6.34
Esforçai-vos por ficar firmes na doutrina do Senhor e dos apóstolos, para que tudo quanto fizerdes tenha bom êxito na carne e no espírito, pela fé e pela caridade, no Filho, no Pai e no Espírito, no princípio e no fim, com vosso digno bispo e a bem entretecida coroa espiritual de vosso presbitério, juntamente com os diáconos agradáveis a Deus. Sede submissos ao bispo e uns aos outros como, em sua humanidade, Jesus Cristo ao Pai, e os apóstolos a Cristo e ao Pai e ao Espírito, para que a união seja corporal e espiritual.
Sto. Inácio de Antioquia (35-110)

Católicos Online