Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

Pregações: Prática Cristã - Formas de penitência e suas razões - por Padre Paulo Ricardo

(áudio)

Formas de penitência e suas razões

O corpo humano pode ser comparado a uma criança mimada, aquela que deseja ter todas as suas vontades satisfeitas e, mesmo que isso ocorra, ela ainda é irritadiça, preguiçosa e indolente. Assim é o ser humano, assim é o corpo humano. Quanto mais come, mais letárgico fica; quanto mais dorme, mais sono tem; e assim por diante. Trata-se da primeira consequência do pecado original, da mãe de todas as doenças: a filáucia, que pode ser definida como o amor de si contra si e cujo lema é “foge da dor, busca o prazer”.

Esse lema está muito presente na sociedade moderna, que incentiva a busca desenfreada pelo prazer, pela satisfação de todos os desejos, representado pela “liberdade”. Enquanto isso, o ser humano se torna cada vez mais vazio e menos resistente à dor. Não suporta ser contrariado e se desestrutura quando perde algo ou alguém. Pudera, não foi ensinado a isso, não exercitou a moderação, não praticou a ascese e a disciplina.

O tempo da Quaresma está chegando. A Igreja ensina e estimula o católico a praticar o jejum, a oração e a esmola. Essas três formas de penitência são um remédio para o combate das doenças espirituais, sendo que o jejum auxilia no combate à gula, a oração no combate ao orgulho e à soberba, e a esmola no combate à avareza. São exercícios que, se feitos com seriedade, têm a capacidade de arrancar o cristão católico das garras do relativismo que domina o mundo atualmente.

=-=-=

Muitos padres não sabem orientar os fiéis com relação à vida ascética e de penitência porque não receberam uma formação sobre ascese e penitência adequada.
Como praticar a penitência como forma de libertação e conversão sem cair em excessos? A formação liberal de alguns seminários não aceita isso, especialmente com relação ao jejum.

As formas de penitência...
Estamos numa crise civilizacional com relação à pedagogia, os caminhos pedagógicos para formar uma pessoa, como educar nossos filhos.
Agora, temos a lei da palmada...
É evidente que nosso governo, que é socialista, tem como princípio que o defensor das crianças é o estado e ele precisa demonstrar isso, mesmo que jogando os filhos contra os pais. Os vilões são os pais, o estado é o herói.
Na escola, qualquer pequena desavença é 'bulling', chamem o estado que ele virá defender você, pobre e oprimido.
Essa ideologia tem causado nos filhos uma ausência de coluna vertebral. O lema é fuja da dor, busque o prazer. O estado me protege se eu tiver que carregar alguma cruz no meio do caminho. Essa é a lei que dirige a pedagogia liberal moderna. Esse tipo de pedagogoia só é capaz de produzir uma coisa: crianças mimadas e hiper sensíveis, vítimas do universo.
As crianças precisam aprender que 'minha vontade não é onipotente'.

Façamos uma metáfora: seu corpo é uma criança e sua alma, são os pais.
Infelizmente na Igreja brasileira há uma lei da palmada em vigor há décadas, em que nada se deve fazer contra nosso corpo, incentivando em nós o pecado original: eu quero ser deus, sou o centro do universo e assim a penitência é rejeitada.

Mas as escrituras nos falam claramente da necessidade de penitência, do jejum e da esmola e o próprio Jesus menciona isso no sermão da montanha!
O catecismo da Igreja apresenta cada forma de penitência.

Como deve-se aplicar sabedoria na educação de uma criança, assim também deve ser com seu corpo. É necessário haver um equilíbrio. Nem afrouxar demais, nem apertar demais.

A prática penitencial da Igreja é como uma pedagogia ao se educar uma criança. Essa é a metáfora.
Há outras razões: espirituais, expiação, ajudar Jesus a carregar a cruz... existe um valor redentor na dor quando suportada por amor a Deus e ao próximo.

A penitência são os limites que precisamos impor a nós mesmos para não tornarmo-nos como crianças mimadas e perdermos a salvação.

Fonte: site Christo Nihil Praeponere

Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
8 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 9840737)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?87.71
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns27.84
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação16.03
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo14.53
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?14.06
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.50
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino12.94
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?11.66
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.47
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.65
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes9.98
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria8.99
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?8.67
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes8.39
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade8.21
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?8.02
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.82
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.60
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.47
Vídeos  Testemunhos  4175 Professor de Harvard se converte7.09
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.86
Diversos  Apologética  3960 Deus não divide sua glória com ninguém?6.67
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista6.50
Diversos  Santos e Místicos  3587 Poesia de Santa Teresinha6.46
Um membro doentio ou anêmico transmite menos vitalidade do que outro plenamente sadio. Por isto se diz com razão que Deus quer salvar a uns mediante outros, Cristo quer comunicar sua ação redentora aos membros do seu Corpo Místico, para que, de um modo ou de outro, colaborem (por graça de Deus) na mais importante de todas as obras, que é a santificação e a salvação dos homens.
Dom Estêvão Bettencourt

Católicos Online