Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

PERGUNTE E RESPONDEREMOS – julho 1957

Que é a alma ?

 

De modo geral, denomina-se alma o princípio vital que anima ou faz viver a matéria orgânica. Embora não se saiba definir exatamente em que consiste a vida, costuma-se dizer que é automoção ou “moção de si mesmo”. Distinguem-se três graus de vida :

 

1- a vida meramente vegetativa, cujas funções são nutrimento, crescimento e multiplicação da espécie;

 

2- a vida sensitiva, que, além das funções anteriores, possui a faculdade de conhecer, mediante os sentidos (órgãos do corpo), objetos concretos, dotados de tamanho, cor, sabor, sonoridade, etc.; só atinge objetos dimensionais ;

 

3- a vida intelectiva, que tem, a mais, a função de elaborar noções abstratas, depuradas das dimensões e outras notas concretas, contingentes, com que os seres aparecem na natureza ;

 

A inteligência, por exemplo, elaborando os dados recebidos pelos sentidos, chega à conclusão de que o “homem” não é somente Pedro, Paulo, João..., mas todo vivente (branco ou negro, alto ou baixo, masculino ou feminino) capaz de raciocinar ou racional. Um dos sinais mais característicos da presença do intelecto ou da vida intelectiva num determinado sujeito é a faculdade de falar, a qual supõe sempre um poder superior aos sentidos, coordenador das impressões recebidas por estes (“se o chimpanzé tem a possibilidade de falar, mas na realidade não fala, entenda-se que a função de falar, em sua essência, não é função orgânica, mas função intelectual e espiritual”, G. Gusdorf, La Parole. Paris 1953,4). Outra característica do ser intelectivo é o riso, que supõe a admiração, ou seja, o conhecimento abstrativo e lento que se faz por meio do raciocínio.

 

Na base desta tríplice distinção, fala-se de alma (princípio vital) vegetativa, alma sensitiva e alma intelectiva.

 

Cada individuo possui uma alma só, que satisfaz a todas as funções de sua vida”

 

A alma intelectiva é própria do homem. Difere da vegetativa e da sensitiva pelo fato de que, como acima dissemos, estas não têm funções que transcendam os limites da matéria; são materiais; por isto são produzidas pela potencialidade mesma da matéria e reabsorvidas por esta, quando cessam as disposições do corpo necessárias para que exerçam suas funções. A alma intelectiva, ao contrário, possui atividade superior à do corpo ; é capaz de conhecer o que não cai diretamente sob os sentidos (embora se sirva do conhecimento sensitivo como de base das suas elucubrações); conhece, por exemplo, a causa invisível de um efeito visível, as relações entre os meios e determinado fim, aquilo que é essencial e perene em indivíduos diversificados por notas contingentes, etc. Por isto a alma humana não é material, mas “espiritual” (o modo de ser e o modo de agir de um individuo são estritamente correlativos entre si); o que mais precisamente significa: ela não tem extensão, nem tamanho, nem cor, nem sabor, nem figura, sem que por isto deixe de ser muito real (Deus também não tem figura nem cor). Daqui se segue, como melhor se dirá abaixo (n9 2), que a alma humana tem origem independente da matéria e pode subsistir fora ou independentemente desta.

 

Dada a transcendência da alma humana em relação à da planta e à do animal irracional, costuma-se reservar o nome alma para o que concerne ao homem, chamando-se simplesmente princípio vital (vegetativo ou sensitivo) o elemento que vivifica as plantas e os irracionais.

 

 

Dom Estêvão Bettencourt (OSB)


Pergunte e Responderemos - Bíblia Católica - Catecismo
Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 1
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 9609702)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?81.46
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns25.35
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação15.73
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo14.11
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?14.00
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.42
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino12.24
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.32
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?11.20
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.77
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes9.52
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria8.71
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes8.27
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.99
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.88
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.81
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?7.79
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.58
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.50
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.90
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.54
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista6.49
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo6.41
Diversos  Apologética  3960 Deus não divide sua glória com ninguém?6.32
Ter uma fé clara, segundo o Credo da Igreja, é frequentemente etiquetado como fundamentalista. Enquanto que o relativismo, isto é, o fato de se deixar levar 'aqui e ali por qualquer vento de doutrina', aparece como o único comportamento à altura dos tempos atuais. Está se construindo uma ditadura do relativismo que não reconhece nada como definitivo e que só deixa como última referência o 'eu' e os desejos pessoais.
Papa Bento XVI

Católicos Online