Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

PERGUNTE E RESPONDEREMOS 528 – junho 2006

No cinema:

 

"O CÓDIGO DA VINCI" (filme)

 

Em síntese: A Conferência dos Bispos do México emitiu uma Declaração em que analisa os erros de história do filme "O Código Da Vinci" e propõe aos fiéis católicos atitudes a tomar perante o ímpeto agressivo da película, que se prevê terá 800 milhões de espectadores.

 

Em PR 508/2004, pp. 456ss e 510/2004, pp. 568ss, já foi comentado o romance de Dan Brown "O Código Da Vinci", que foi "best-seller" durante várias semanas. A novela voltou a público sob forma de filme para o cinema, ofendendo milhões de cristãos. - Diante do fato a Conferência dos Bispos do México emitiu uma Declaração esclarecedora, que propõe atitudes a tomar perante a agressão. Vai, a seguir, publicado na íntegra o respectivo texto.

 

A IGREJA PERANTE O "CÓDIGO DA VINCI"

 

1. O PROBLEMA

 

- Desde que se publicou, na primavera de 2003, a novela "O Código Da Vinci", de Dan Brown, venderam-se 40 milhões de exemplares; pode-se considerar o "best-seller da década".

 

O filme baseado nessa novela é uma superprodução de Hollywood, dirigida por Ron Howard e com atores de primeiro escalão (Tom Hanks, Jean Reno, Audrey Tautou, Alfred Molina, Ian McKellen, etc.) o grande evento de 2006. Estima-se que 800 milhões de pessoas irão assistir ao filme.

 

A trama de "O Código Da Vinci" é a seguinte:

 

-   Jesus casou-se com Maria Madalena e teve vários filhos. Sua descendência é o verdadeiro Santo Graal (sangue de rei = sangue real = Santo Graal)

-   Cristo confiou a Igreja a Maria Madalena, mas os apóstolos tramaram contra ela, e ela teve de escapar para a França. Desde então, o clandestino "Priorado de Sião" protege a descendência de Cristo contra os ataques da Igreja Católica e transmite seus segredos em códigos cifrados. Por exemplo, na "Última Ceia", de Leonardo Da Vinci, a figura junto a Cristo não é o apóstolo João, mas Maria Madalena.

-A novela começa quando uma comissão de cardeais pressiona o prelado do Opus Dei para que um de seus membros, assassino de profissão, mate os últimos descendentes vivos de Cristo.

 

As idéias de fundo de "O Código Da Vinci" são:

-   Jesus não pensava ser Deus, nem seus discípulos o consideravam divino. A crença na divindade de Jesus foi imposta pelo imperador Constantino no Concílio de Nicéia em 325.

-   Jesus e Maria Madalena representavam a dualidade masculina-feminina (como Marte e Atena, Isis e Osíris); os primeiros seguidores de Jesus adoravam "o sagrado feminino", mas logo foi eliminado, e a Igreja se fez misógina (avessa às mulheres).

-A Igreja baseia-se sobre uma grande mentira: Cristo era um homem normal e comum. Para ocultar a verdade, a Igreja destruiu documentos, assassinou milhões de bruxas e hereges, manipulou as Escrituras...

 

A novela "O Código Da Vinci" apresenta dois problemas:

-   Trata-se de uma obra de ficção, na qual todos os personagens da Igreja são retratados de maneira odiosa;

-   O autor afirma na apresentação do livro: "Todas as descrições de obras de arte, arquitetura, documentos e ritos secretos nesta novela são verdadeiras". Na realidade, a obra contém numerosíssimos erros: de arte, de história, de religião e de cultura.

 

O filme agravará a situação:

 

-   porque essas falsidades chegarão a muitas pessoas (800 milhões, ou mais, se concorrer aos prêmios Oscar);

-   porque as imagens são mais poderosas que as palavras, e deixam mais marca;

-   porque os filmes chegam às massas, também aos que têm pouca formação e carecem de recursos críticos para distinguir o que é ficção e o que é realidade;

-   porque será utilizado pelos inimigos da Igreja para lançar outras acusações e campanhas sobre temas que não têm a ver com o livro.

 

2. Que se pode fazer ante esta situação?

 

Aproveitar a oportunidade para falar de Jesus Cristo e da Igreja:

 

- muitos católicos bem formados e praticantes se sentirão ofendidos; há que saber fundamentar sua reação, de forma serena e construtiva;

-   muitos católicos terão dúvidas sobre se o que diz o livro é verdade: haverá que intensificar a catequese e tocar em alguns temas (perguntem ou não perguntem);

-   muitas outras pessoas até agora indiferentes sentirão curiosidade de saber mais acerca da fé: haverá que estar preparados para satisfazer seu interesse com uma evangelização atrativa.

 

Também:

-   Pode ser uma boa ocasião de trabalhar junto a outros crentes: com ortodoxos e protestantes, porque o livro e o filme ofendem todos os cristãos; com judeus e muçulmanos (porque é uma manifestação de intolerância contra quem tem uma visão religiosa do mundo); e com intelectuais não crentes, que se sentem ofendidos pelos numerosos erros históricos, artísticos, culturais, etc, realizados 'para ganhar dinheiro'.

-   Pode-se aproveitar para impulsionar católicos de certa posição (intelectuais, jornalistas, empresários, etc.) a que se movam mais e vivam sua fé com mais responsabilidade".

 

Possam estas considerações e recomendações encontrar acolhida entre os católicos do Brasil! Redundem em mais estudo e aprofundamento da fé! Para tanto está à disposição dos interessados a Escola "Mater Ecclesiae", à qual se podem pedir informações pelo telefax: 0 XX 21 2242-4552.

 

 

Dom Estêvão Bettencourt (OSB)


Pergunte e Responderemos - Bíblia Católica - Catecismo
Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
3 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 9918688)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?87.41
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns29.17
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação16.12
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo14.71
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?14.30
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.50
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino13.01
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?11.86
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.55
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.58
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes10.43
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria9.08
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?8.68
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes8.48
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade8.24
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?8.07
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.82
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.68
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.42
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo7.10
Diversos  Apologética  3960 Deus não divide sua glória com ninguém?6.87
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.86
Diversos  Santos e Místicos  3587 Poesia de Santa Teresinha6.55
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista6.51
Onde não há virtudes naturais a graça não pode operar.
Carlos Ramalhete

Católicos Online