Católicos Online - - - - AVISOS -


...

Pergunte!

e responderemos


Veja como divulgar ou embutir artigos, vídeos e áudios em seu site ou blog.




Sua opinião é importante!









Sites Católicos
Dom Estêvão
Propósitos

RSS Artigos
RSS Links



FeedReader



Download







Cursos do Pe Paulo Ricardo


Newsletter
Pergunte!
Fale conosco
Pedido


PESQUISAR palavras
 

Pregações: Igreja - Concílio Vaticano II e Liberdade Religiosa - por Padre Paulo Ricardo

Concílio Vaticano II e Liberdade Religiosa

Como é possível educar os filhos para serem católicos se o Concílio Vaticano II prega a liberdade religiosa?

Primeiro devemos entender o que significa o direito à liberdade religiosa e que ele não se aplica em qualquer âmbito ou sem limites.
Trata-se de o estado tirar as mãos de cima da religião, que o estado não possa proibir de ensinar a fé católica, não impor uma religião (ou a não-religião) às pessoas, mesmo quando num país há uma religião oficial.
A Igreja admite que um país tenha uma religião oficial, não seja necessariamente um país sem religião. Mas é preciso compreender que o estado não pode obrigar as pessoas a essa religião. Esse é o significado da liberdade religiosa.
Além disso, não significa que não haja limites. Por exemplo, se um grupo de satanistas quer sacrificar crianças, o estado deve intervir sim, para impedir isso. A religião não pode é causar desordem social, infringindo a lei natural das coisas.

No catecismo da Igreja essa questão é resumida. Há duas realidades que precisam ser avaliadas: de um lado o direito à religião e de outro o direito de ensinar/buscar a verdade.
Como evangelizar? É exatamente a liberdade religiosa que permite a missionaridade.
Não estamos mais na idade média; segundo pesquisa 70% da população mundial vive em países onde a liberdade religiosa não é garantida e, de cada 100 vítimas de perseguição religiosa, 75 são cristãs. Ou seja, 75% das pessoas perseguidas por falta de liberdade religiosa são cristãs.

Muitas vezes os tradicionalistas afirmam que a Igreja mudou de opinião, que agora o Concílio vaticano II defende outra doutrina. Essa acusação não é verdadeira.
Na história da Igreja, houve papas a favor e outros contra a liberdade religiosa, por exemplo. O que está em debate não é a doutrina, mas sua aplicação. Ela é mesma e inquestionável: o erro não tem o direito de existir, somente a Verdade tem direito de existir e portanto todos os seres humanos têm o dever de buscar a verdade. Isto é uma doutrina. Porém, no mundo real, o erro não existe de forma abstrata, mas existem pessoas que erram. Uma coisa é o pecado, outra o pecador. Houve papas que favoreceram da violência para impor religião e houve papas que foram contra a violência para impor religião. Os princípios morais não diferem, mas sua aplicação no tempo e na história, sim.
Ou seja, os papas ao longo dos séculos oscilaram ao aplicar pastoralmente a doutrina.
A Igreja é infalível doutrinalmente mas não é infalível pastoralmente. Muitas vezes, a Igreja toma decisões pastorais que podem ser criticadas. A infabilidade doutrinal e a fragilidade pastoral não devem ser confundidas. Quando falamos que devemos defender a liberdade religiosa para que o estado não imponha uma religião aos cidadãos, essa é uma atitude política, uma atitude pastoral de defender um princípio político no campo da razão prática sem entretanto mudar a doutrina que sempre foi a mesma: só é uma a religião e uma a Igreja de Cristo verdadeiras, o que não implica que outras religiões não possam existir.

Fonte: site Christo Nihil Praeponere

Católicos Online - Bíblia Católica - Catecismo
Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
4 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL

Ver N artigos +procurados:
TÓPICO  ASSUNTO  ARTIGO (leituras: 9371115)/DIA
PeR  Escrituras  1355 Jesus jamais condenou o homossexualismo?82.49
Diversos  Prática Cristã  3780 Os pecados mortais mais comuns22.03
Orações  Comuns  2773 Oração de Libertação15.19
Aulas  Doutrina  1497 Ser comunista é motivo de excomunhão?13.69
Diversos  História  4042 R.R. Soares e Edir Macedo13.17
PeR  O Que É?  0516 O Que é a ADHONEP?13.15
PeR  História  0515 O Recenseamento sob César Augusto e Quirino12.05
Diversos  Igreja  4166 Papa Leão XIII e a visão de Satanás11.40
Diversos  Protestantismo  1652 Desafio aos Evangélicos: 32 Perguntas11.16
PeR  O Que É?  2142 Quiromancia e Quirologia10.88
Diversos  Prática Cristã  3185 Anticonceptivos são Abortivos?10.43
Diversos  Apologética  3729 Desmascarando Hernandes Dias Lopes8.38
Vídeos  Testemunhos  3708 Terra de Maria8.25
PeR  Prática Cristã  1122 As 14 estações da Via Sacra7.88
Diversos  Ética e Moral  2832 Consequências médicas da homossexualidade7.82
PeR  História  2571 Via Sacra, qual a origem e o significado?7.75
PeR  Escrituras  2389 O Pai Nosso dos Católicos e dos Protestantes7.75
PeR  O Que É?  0565 Lei Natural, o que é? Existe mesmo?7.69
PeR  O Que É?  1372 Eubiose, que é?7.46
PeR  Filosofia  0085 De Onde Viemos? Onde Estamos? Para Onde Vamos?7.34
PeR  Testemunhos  0450 Eu Fui Testemunha de Jeová6.95
Diversos  Testemunhos  3922 Como o estudo da fé católica levou-me ao catolicismo6.76
Diversos  Testemunhos  3465 Ex-pastor conta como fazia para converter católicos6.67
Diversos  Anjos  3911 Confissões do demônio a um exorcista6.58
A Igreja precisa se opor às 'marés de modismos e das últimas novidades'.
Papa Bento XVI

Católicos Online