BÍBLIA CATÓLICA ONLINE

      Dicionário | AVISOS | Reiniciar  ||  Início  ->  Bíblia  


Bíblia Online
   
Livro:
Capítulo:

Pesquisar na Bíblia:

<- no máximo

Publique a bíblia acima
em seu blog ou site!



Pesquisa da bíblia

ATOS: Atos dos Apóstolos (At), capítulo 9 |
1A CONVERSÃO DE SAULO
Saulo, entretanto, respirava ameaças de morte contra os discípulos do Senhor. Apresentou- se ao sumo sacerdote
2e pediu-lhe cartas de recomendação para as sinagogas de Damasco, a fim de trazer presos para Jerusalém os homens e mulheres que encontrasse, adeptos do Caminho.
3Durante a viagem, quando já estava perto de Damasco, de repente viu-se cercado por uma luz que vinha do céu.
4Caindo por terra, ouviu uma voz que lhe dizia: “Saul, Saul, por que me persegues?”
5Saulo perguntou: “Quem és tu, Senhor?” A voz respondeu: “Eu sou Jesus, a quem tu estás perseguindo.
6Agora, levanta-te,entra na cidade, e ali te será dito o que deves fazer”.
7Os homens que acompanhavam Saulo ficaram mudos de espanto, porque ouviam a voz, mas não viam ninguém.
8Saulo levantou-se do chão e abriu os olhos, mas não conseguia ver nada. Então tomaram-no pela mão e o fizeram entrar em Damasco.
9Saulo ficou três dias sem poder ver. E não comeu nem bebeu.
10Em Damasco, havia um discípulo de nome Ananias. O Senhor o chamou numa visão: “Ananias!” Ele respondeu: “Aqui estou, Senhor!”
11O Senhor lhe disse: “Levanta-te, vai à rua chamada Direita e procura, na casa de Judas, por um homem de Tarso, chamado Saulo. Ele está em oração
12e acaba de ver, em visão, alguém que se chama Ananias entrar e impor-lhe as mãos para que recupere a vista”.
13Ananias respondeu: “Senhor, já ouvi muitos falarem desse homem e do mal que fez aos teus santos que estão em Jerusalém.
14E aqui, em Damasco, ele tem plenos poderes, da parte dos sumos sacerdotes, para prender todos os que invocam o teu nome”.
15Mas o Senhor disse a Ananias: “Vai, porque este homem é um instrumento que escolhi para levar o meu nome às nações pagãs e aos reis, e também aos israelitas.
16Pois eu vou lhe mostrar o quanto ele deve sofrer pelo meu nome”.
17Então Ananias saiu, entrou na casa e impôs-lhe as mãos, dizendo: “Saul, meu irmão, o Senhor Jesus, que te apareceu quando vinhas pela estrada, mandou-me aqui para que tu recobres a vista e fiques cheio do Espírito Santo”.
18Imediatamente caíram dos olhos de Saulo como que escamas, e ele recobrou a vista. Em seguida, levantou-se e foi batizado.
19Depois, alimentou-se e recuperou as forças. Saulo passou alguns dias com os discípulos que havia em Damasco
20e logo começou a pregar nas sinagogas, afirmando que Jesus é o Filho de Deus.
21Os ouvintes ficavam perplexos e comentavam: “Não é este o homem que, em Jerusalém, perseguia com violência os que invocavam esse Nome? E não veio aqui, exatamente, para prendê-los e levá-los aos sumos sacerdotes?”
22Mas Saulo se fortalecia cada vez mais e deixava confusos os judeus que moravam em Damasco, demonstrando que Jesus é o Cristo.
23FUGA DE DAMASCO E PASSAGEM POR JERUSALÉM
Passado um bom tempo, os judeus confabularam para matá-lo.
24Mas Saulo ficou sabendo de suas tramas. Eles, porém, controlavam dia e noite as portas da cidade, para matá- lo.
25Os discípulos, entretanto, de noite o levaram e, num cesto, o fizeram descer pela muralha.
26Saulo chegou a Jerusalém e procurava juntar-se aos discípulos. Mas todos tinham medo dele, pois não acreditavam que ele fosse discí-pulo.
27Então Barnabé o tomou consigo, levou-o aos apóstolos e contou-lhes como Saulo tinha visto, no caminho, o Senhor, que falara com ele, e como, na cidade de Damasco, ele havia pregado, corajosamente, no nome de Jesus.
28Daí em diante, Saulo permanecia com eles em Jerusalém e pregava, corajosamente, no nome do Senhor.
29Também falava e discutia com os judeus de língua grega, mas estes procuravam matá-lo.
30Quando ficaram sabendo disso, os irmãos levaram Saulo para Cesaréia e, dali, o mandaram para Tarso.
31A Igreja, entretanto, vivia em paz em toda a Judéia, Galiléia e Samaria. Ela se consolidava e andava no temor do Senhor e, com a ajuda do Espírito Santo, crescia em número.
32CURAS DE PEDRO EM LIDA E JOPE: ENÉIAS, TABITA
Enquanto Pedro percorria todos os lugares, visitou também os santos que residiam em Lida.
33Encontrou aí um homem chamado Enéias, que havia oito anos estava deitado numa maca, paralisado.
34Pedro disse-lhe: “Enéias, Jesus Cristo te cura! Levanta-te, arruma tu mesmo tua cama!” Imediatamente Enéias se levantou.
35Todos os habitantes de Lida e da região do Saron viram isso e se converteram ao Senhor.
36Em Jope, havia uma discípula chamada Tabita, nome que quer dizer Gazela. Eram muitas as boas obras que fazia e as esmolas que dava.
37Naqueles dias, ela ficou doente e morreu. Então lavaram seu corpo e o velavam no andar superior da casa.
38Como Lida ficava perto de Jope, os discípulos ouviram dizer que Pedro estava aí e mandaram dois homens com um recado: “Vem depressa até nós!”
39Pedro partiu imediatamente com eles. Assim que chegou, levaram-no à sala de cima, onde todas as viúvas foram ao seu encontro. Chorando, elas mostravam a Pedro as túnicas e mantos que Gazela havia feito, quando vivia com elas.
40Pedro mandou todo o mundo sair. Em seguida, pôs-se de joelhos, a orar. Depois, voltou-se para a morta e disse: “Tabita, levanta-te!” Ela abriu os olhos, viu Pedro e sentou-se.
41Pedro deu-lhe a mão e ajudou-a a levantar-se. Depois chamou os santos e as viúvas, e apresentou-lhes Tabita viva.
42O fato se tornou conhecido em toda a cidade de Jope, e muitos passaram a crer no Senhor.
43Nessa ocasião, Pedro ficou muitos dias em Jope, na casa de um certo Simão, curtidor de peles.

PESQUISAR
 


Bíblia Católica Online