BÍBLIA CATÓLICA ONLINE

      Dicionário | AVISOS | Reiniciar  ||  Início  ->  Bíblia  


Bíblia Online
   
Livro:
Capítulo:

Pesquisar na Bíblia:

<- no máximo

Publique a bíblia acima
em seu blog ou site!



Pesquisa da bíblia

ATOS: Atos dos Apóstolos (At), capítulo 24 |
1PROCESSO PERANTE FÉLIX E PRISÃO EM CESARÉIA
Cinco dias depois, o sumo sacerdote Ananias foi a Cesaréia com alguns anciãos e um advogado chamado Tertulo. Eles apresentaram-se ao governador como acusadores de Paulo.
2Quando este foi chamado, Tertulo começou a acusação dizendo: “Graças a ti gozamos de paz profunda, e graças à tua providência melhorou muito a situação deste povo.
3Excelentíssimo Félix, sempre e em toda parte reconhecemos com toda a gratidão esses benefícios.
4Ora, para não te deter muito tempo, conhecendo a tua benevolência, solicito por um instante a tua atenção.
5Verificamos que este homem é uma peste. Ele provoca conflitos entre os judeus do mundo inteiro e é também um dos líderes da seita dos nazarenos.
6Ele tentou inclusive profanar o templo. Por isso, o prendemos para julgá-lo segundo a nossa lei.
7Interrogando-o, poderás certificar-te de todas as coisas de que nós o estamos acusando”.
8O tribuno Lísias interveio e ordenou a seus acusadores que comparecessem diante da sua presença.
9Os judeus deram seu apoio, sustentando que as coisas eram assim mesmo.
10Então, a um sinal do governador, Paulo respondeu: “Eu sei que há muitos anos és juiz desta nação e, por isso, sinto-me à vontade para defender a minha causa.
11Como tu mesmo podes constatar, faz apenas doze dias que subi em peregrinação a Jerusalém.
12Ora, nem no templo, nem nas sinagogas, nem pela cidade, alguém me viu discutindo com outras pessoas ou provocando desordem na multidão.
13Eles não podem provar aquilo de que agora me acusam.
14Confesso-te, porém, uma coisa: é segundo o Caminho – que eles chamam de seita – que eu sirvo o Deus de nossos pais. Acredito em tudo o que está conforme a Lei e em tudo o que se encontra escrito nos Profetas.
15Tenho em Deus a mesma esperança que eles têm: que há de acontecer a ressurreição dos justos e dos injustos.
16Por isso, eu também me esforço por manter sempre a consciência irrepreensível diante de Deus e dos homens.
17Depois de muitos anos, vim trazer esmolas para meu povo e também apresentar ofertas.
18Eles me encontraram no templo ocupado nisso, tendo-me devidamente purificado. Não havia ajuntamento nem tumulto.
19Mas então sobrevieram alguns judeus da Ásia. São eles que deveriam apresentar-se a ti e acusar-me, caso tenham algo contra mim.
20Ou então, que estes homens aqui digam se encontraram em mim algum crime, quando compareci diante do Sinédrio.
21A não ser que se trate desta única frase que gritei no meio deles: ‘É por causa da ressurreição dos mortos que estou sendo julgado hoje diante de vós’”.
22Félix estava bem informado a respeito do Caminho e adiou a causa, dizendo: “Quando o tribuno Lísias chegar, examinarei a vossa questão”.
23E ordenou que o centurião mantivesse Paulo preso, mas com certa liberdade e sem impedir que os seus lhe dessem assistência.
24Alguns dias mais tarde, veio Félix com a esposa, Drusila, que era judia. Mandou chamar Paulo e ouviu falar da fé em Jesus Cristo.
25Mas, quando Paulo começou a comentar a justiça, a continência e o julgamento futuro, Félix ficou com medo e disse: “Por ora podes ir. Quando eu tiver mais tempo, mandarei chamar-te”.
26Ao mesmo tempo, Félix esperava que Paulo lhe desse dinheiro. Por isso, mandava chamá-lo freqüentemente e conversava com ele.
27Dois anos depois, Pórcio Festo ocupou o lugar de Félix. E Félix, querendo agradar aos judeus, deixou Paulo na prisão.

PESQUISAR
 


Bíblia Católica Online