BÍBLIA CATÓLICA ONLINE

      Dicionário | AVISOS | Reiniciar  ||  Início  ->  Bíblia  


Bíblia Online
   
Livro:
Capítulo:

Pesquisar na Bíblia:

<- no máximo

Publique a bíblia acima
em seu blog ou site!



Pesquisa da bíblia

ATOS: Atos dos Apóstolos (At), capítulo 18 |
1EM CORINTO
Paulo deixou Atenas e foi para Corinto.
2Aí encontrou um judeu chamado Áquila, natural do Ponto, que acabava de chegar da Itália, com sua esposa Priscila, pois o imperador Cláudio tinha decretado que todos os judeus saíssem de Roma. Paulo entrou em contato com eles.
3Como tinham a mesma profissão – eram fabricantes de tendas – passou a morar com eles e trabalhar ali.
4Todos os sábados, Paulo discutia na sinagoga, procurando convencer judeus e gregos.
5Desde que Silas e Timóteo chegaram da Macedônia, Paulo dedicou-se inteiramente à Palavra, testemunhando diante dos judeus que Jesus era o Cristo.
6Mas, por causa de sua resistência e blasfêmias, ele sacudiu as vestes e disse: “O vosso sangue caia sobre vossas cabeças. Eu não tenho culpa. De agora em diante, vou dirigir-me aos pagãos”.
7Então, saindo dali, Paulo foi para a casa de um homem chamado Tício Justo, adorador de Deus, que morava ao lado da sinagoga.
8Crispo, o chefe da sinagoga, acreditou no Senhor com toda a sua família; e muitos coríntios que escutavam Paulo abraçavam a fé e recebiam o batismo.
9Certa noite, numa visão, o Senhor disse a Paulo: “Não tenhas medo; continua a falar e não te cales,
10porque eu estou contigo. Ninguém te porá a mão para fazer mal. Nesta cidade há um povo numeroso que me pertence”.
11Assim Paulo ficou um ano e meio entre eles, ensinando-lhes a palavra de Deus.
12Então, sendo Galião procônsul na Acaia, os judeus uniram-se num protesto contra Paulo e o levaram diante do tribunal.
13Diziam: “Este homem induz o povo a adorar a Deus num modo contrário à lei”.
14Paulo ia tomar a palavra, quando Galião falou aos judeus: “Se fosse por causa de um delito ou de uma ação criminosa, seria justo que eu atendesse a vossa queixa.
15Mas, como é questão de palavras, de nomes e da vossa lei, tratai disso vós mesmos. Eu não quero ser juiz nessas coisas”.
16Galião mandou-os sair do tribunal.
17Então todos agarraram Sóstenes, o chefe da sinagoga, e espancaram-no diante do tribunal. E Galião absolutamente não interveio. Volta a Antioquia e início da terceira viagem.
18Paulo permaneceu ainda vários dias em Corinto. Despedindo-se dos irmãos, embarcou para a Síria, em companhia de Priscila e Áquila. Em Cencréia, Paulo cortou os cabelos, pois tinha feito uma promessa.
19Quando chegaram a Éfeso, Paulo os deixou e entrou sozinho na sinagoga, onde começou a discutir com os judeus.
20Estes pediam que permanecesse mais tempo, mas Paulo recusou.
21Todavia, ao despedir-se falou: “Voltarei de novo para junto de vós, se Deus quiser”. E partiu de Éfeso.
22Desembarcando em Cesaréia, foi saudar a Igreja, e depois desceu para Antioquia,
23onde permaneceu algum tempo. Em seguida partiu de novo, percorrendo sucessivamente a Galácia e a Frígia, confirmando todos os discípulos.
24APOLO EM ÉFESO
Um judeu chamado Apolo, natural de Alexandria, tinha chegado a Éfeso. Era homem eloqüente, versado nas Escrituras.
25Tinha recebido instrução no caminho do Senhor e, com muito entusiasmo, falava e ensinava com exatidão a respeito de Jesus, embora só conhecesse o batismo de João.
26Então, ele começou a falar com muita convicção na sinagoga. Ao escutá-lo, Priscila e Áquila acolheram-no e expuseram-lhe o caminho de Deus com maior exatidão.
27Como ele estava querendo passar para a Acaia, os irmãos apoiaram-no e escreveram aos discípulos para que o acolhessem bem. A presença de Apolo aí foi muito útil aos que tinham abraçado a fé – pela graça de Deus.
28Pois ele refutava vigorosamente e em público os judeus, demonstrando pelas Escrituras que Jesus é o Cristo.

PESQUISAR
 


Bíblia Católica Online