BÍBLIA CATÓLICA ONLINE

      Dicionário | AVISOS | Reiniciar  ||  Início  ->  Bíblia  


Bíblia Online
   
Livro:
Capítulo:

Pesquisar na Bíblia:

<- no máximo

Publique a bíblia acima
em seu blog ou site!



Pesquisa da bíblia

PROFETAS MAIORES: Livro de Ezequiel (Ez), capítulo 32 |
1CANTO FÚNEBRE SOBRE O FARAÓ
No décimo segundo ano, no dia primeiro do décimo segundo mês, a palavra do SENHOR me foi dirigida nestes termos:
2“Filho do homem, entoa um canto fúnebre sobre o faraó, rei do Egito, e dize-lhe: Parecias o leão das nações! E eras como um crocodilo dos mares, irrompendo pelos teus rios, turvando as águas com as patas, chapinhando os teus canais.
3Assim diz o SENHOR Deus: Vou estender sobre ti minha rede com uma horda de numerosos povos, e com ela te puxarei para fora.
4Vou arrojar-te por terra e arremessar-te em campo aberto. Sobre ti farei pousar todos os pássaros do céu e contigo saciarei os animais selvagens de toda a terra.
5Exporei teu corpo sobre os montes e encherei os vales com tua carniça.
6Embeberei a terra de teu líquido e os córregos ficarão cheios de teu sangue.
7Quando te extinguir, cobrirei o céu e velarei as estrelas. Encobrirei o sol com as nuvens e a lua já não dará sua luz.
8Por tua causa obscurecerei todos os astros brilhantes do céu e mandarei escuridão sobre teu país – oráculo do SENHOR Deus.
9Perturbarei o coração de numerosos povos quando conduzir teus cativos entre as nações, a que desconhecias.
10Por tua causa encherei de espanto numerosos povos e seus reis ficarão arrepiados de horror, quando eu brandir a espada na presença deles. No dia de tua queda tremerão de sobressalto a todo instante, cada qual por sua vida.
11Pois assim diz o SENHOR Deus: A espada do rei da Babilônia vai te alcançar.
12Pela espada dos guerreiros mais temíveis das nações, farei tombar tua multidão. O orgulho do Egito eles arruinarão e toda sua multidão será esmagada.
13Farei perecer todos os animais perto das águas caudalosas. Nunca mais um pé humano as turvará, ou um casco de animal as sujará.
14Então tornarei límpidas suas águas e farei fluir os rios como óleo – oráculo do SENHOR Deus.
15Quando eu reduzir o Egito a um deserto e o país for privado do que nele há, quando eu ferir todos os habitantes, saberão que eu sou o SENHOR”.
16Esse é um canto fúnebre a ser cantado; as moças do mundo inteiro o cantarão sobre o Egito e toda a sua multidão – oráculo do SENHOR Deus.
17O FARAÓ NA MORADA DOS MORTOS
No décimo segundo ano, no dia quinze do mês, a palavra do SENHOR veio a mim nestes termos:
18“Filho do homem, geme sobre a multidão do Egito e faze-a descer, a ela e as filhas de poderosas nações, às regiões subterrâneas, com os que baixam à cova.
19Serias mais privilegiado do que outros? Desce e deita-te com os incircuncisos.
20Cairão entre as vítimas da espada. A espada já foi entregue. Arrastai o Egito com toda a sua multidão.
21Do meio da morada dos mortos lhe dirão os mais valentes guerreiros:‘Desceram com seus aliados e jazem com os incircuncisos, vítimas da espada’.
22Lá estão a Assíria e toda sua multidão, rodeando as tumbas do Egito: todos tombaram mortos, traspassados pela espada.
23Foram sepultados bem no fundo da cova. Em torno à tumba estava a sua multidão, todos mortos pela espada, eles que antes espalhavam terror na terra dos vivos.
24Lá está Elam, com toda a sua multidão, em torno do sepulcro, todos mortos pela espada. Desceram incircuncisos às regiões inferiores, eles que outrora espalhavam terror na terra dos vivos. Carregam sua ignomínia com os que baixam à cova.
25No meio dos mortos deram-lhe um jazigo, com toda a sua multidão rodeando-lhe a tumba, todos eles incircuncisos, mortos pela espada. Embora tenham espalhado terror na terra dos vivos, carregam sua ignomínia com os que baixam à cova, incluídos entre os mortos.
26Lá estão Mosoc e Tubal com toda a sua multidão em volta do sepulcro, todos eles incircuncisos, mortos pela espada, embora tenham espalhado terror na terra dos vivos.
27Eles não jazem com os heróis tombados outrora, os quais desceram à morada dos mortos com as armas de guerra, tendo as espadas postas sob as cabeças e os escudos sobre os ossos, embora tais heróis fossem um terror na terra dos vivos.
28Tu, porém, jazerás entre os incircuncisos, junto com os mortos pela espada.
29Lá está Edom, seus reis e todos os príncipes; apesar da valentia, foram postos com os mortos pela espada. Jazem com os incircuncisos e com os que baixam à cova.
30Lá estão todos os príncipes do norte e todos os sidônios. Apesar do terror que inspirava sua valentia, envergonhados, desceram com os traspassados. Eles jazem incircuncisos com os mortos pela espada e carregam sua vergonha com os que baixam à cova.
31Vendo-os, o faraó se consolará por causa de toda a sua multidão de mortos pela espada, isto é, o faraó e todo seu exército – oráculo do SENHOR Deus.
32Por ter espalhado o terror na terra dos vivos, o faraó e sua multidão serão deitados entre os incircuncisos, com os mortos pela espada – oráculo do SENHOR Deus”.

PESQUISAR
 


Bíblia Católica Online