BÍBLIA CATÓLICA ONLINE

      Dicionário | AVISOS | Reiniciar  ||  Início  ->  Bíblia  


Bíblia Online
   
Livro:
Capítulo:

Pesquisar na Bíblia:

<- no máximo

Publique a bíblia acima
em seu blog ou site!



Pesquisa da bíblia

SAPIENCIAL: Livro da Sabedoria (Sb), capítulo 10 |
1MEDITAÇÃO SOBRE A HISTÓRIA DE ADÃO ATÉ A LIBERTAÇÃO DO EGITO
De fato, foi ela quem protegeu aquele que foi modelado primeiro, o pai do mundo, quando criado sozinho; foi ela quem o libertou do seu delito
2e lhe deu poder para dominar todas as coisas.
3Afastando-se dela o injusto, na sua ira, arruinou-se, entre os furores de um fratricídio.
4Quando, pela culpa humana, a terra foi inundada, salvou-a novamente a Sabedoria, pilotando o justo numa frágil embarcação.
5Quando as nações, unânimes na maldade, confundiram-se a si mesmas, ela reconheceu o justo e o manteve irrepreensível diante de Deus, conservando-o forte, apesar de sua ternura pelo filho.
6Na destruição dos ímpios, foi ela quem salvou o justo, que fugia do fogo descido sobre as Cinco Cidades;
7como testemunha da malvadeza deles, existe ainda uma terra fumegante e deserta, cujas árvores produzem frutos em estações incertas e, em memória de uma alma incrédula, ainda está de pé uma estátua de sal!
8Pois, desprezando a Sabedoria, não só caíram, ignorando o bem, mas deixaram para a humanidade uma lembrança de sua loucura, de tal modo que seus pecados não puderam ficar escondidos.
9Aos que a respeitam, porém, a Sabedoria livrou de suas fadigas.
10Ela guiou, por caminhos retos, o justo que fugia do ódio do irmão, mostrou-lhe o reino de Deus e concedeu-lhe o conhecimento das coisas santas: ela o fez prosperar em seus empreendimentos e recompensou suas fadigas.
11Esteve a seu lado contra a cobiça dos opressores e o tornou rico;
12protegeu-o contra os inimigos, defendendo-o dos que lhe armavam ciladas; deu-lhe o prêmio após uma dura batalha, para ensinar-lhe que a piedade é mais poderosa do que tudo.
13Foi também ela que não abandonou o justo vendido, mas o preservou do pecado;
14desceu com ele à cisterna e não o desamparou na prisão, até trazer-lhe o cetro real e o poder sobre os que o haviam humilhado; desmascarou também os que o caluniavam e deu-lhe uma glória eterna.
15Foi ela quem libertou o povo santo, gente irrepreensível, das nações que o oprimiam.
16Entrou na alma do servo do Senhor, fazendo-o enfrentar, com prodígios e sinais, a reis temíveis.
17Deu aos santos a recompensa de seus trabalhos, e guiou-os por um caminho maravilhoso: foi para eles abrigo durante o dia e resplendor de estrelas durante a noite.
18Ela os fez atravessar o mar Vermelho, conduzindo-os através das águas caudalosas;
19afogou seus inimigos e os vomitou das profundezas do abismo.
20Por isso os justos apoderaram-se dos despojos dos ímpios e celebraram, Senhor, teu santo Nome, louvando em coro tua mão vitoriosa.

PESQUISAR
 


Bíblia Católica Online